Implementação de Gestão Profissional na CBJ: Um Estudo de Caso

Por: Antenor Magno da Silva Neto, Douglas Eduardo de Brito Vieira, e .

1º Congresso Internacional Sobre Gestão do Esporte e 4º Congresso Brasileiro Sobre Gestão do Esporte

Send to Kindle


Resumo

"O judô retorna do Mundial de Paris com seis medalhas, sendo cinco nas disputas individuais e segundo lugar por equipes. É o melhor resultado da história da modalidade, que investe R$ 5 milhões na preparação da equipe nesse último ano do ciclo olímpico, informam seus dirigentes. Finalmente, assim como o vôlei, presente na maioria das finais internacionais, o judô demonstra estar no caminho da gestão profissional do esporte" (CRUZ, 2011). No início dos anos 1990, a Confederação Brasileira de Judô foi condenada por irregularidades que impediram que a instituição tivesse direito ao repasse de verbas federais (FOLHA DE SÃO PAULO, 2001). Após o clássico período denominado "Era Mamede", a uma nova gestão da CBJ teve o grande desafio de, segundo vários judocas Olímpicos, "colocar a CBJ em ordem". O objetivo deste trabalho foi identificar as principais medidas da CBJ, realizadas entre 2001 e 2010, no sentido da profissionalização da gestão da entidade. Foi realizada pesquisa explicativa, quanto aos fins e quanto aos meios, se caracterizando como estudo de caso e pesquisa bibliográfica, segundo os conceitos de Vergara (2010) e Almeida (2011). As fontes utilizadas foram secundárias, oriundas de reportagens e conteúdos disponíveis em sites especializados sobre o judô no Brasil, além do levantamento de notícias e análise do site oficial da CBJ. Os resultados obtidos quanto as principais mudanças na gestão da CBJ foram analisados sob dois aspectos, segundo Pires (2003, 2005): ações no planejamento operacional (não-esportivos) e ações no planejamento tático (esportivos). No âmbito operacional, as principais ações identificadas foram: a articulação do vértice estratégico, que possibilitou o retorno de repasse de verbas oriundas do poder público-federal, a disseminação do judô para diferentes regiões do país e a profissionalização de departamentos presentes na estrutura organizacional, como o setor de marketing e eventos, que resultou nos atuais nove contratos de patrocínio da entidade. No âmbito esportivo as ações verificadas foram: a implantação de planejamento visando os ciclos Olímpicos, a estruturação de equipes técnicas multidisciplinares, o investimento em equipes permanentes de alto rendimento, com trabalho diferenciado para equipes masculinas e femininas, que contemplam as classes adulta, sub-20 e sub-17. Conclui-se que as ações de potencialização de alguns departamentos e a profissionalização e o planejamento em longo prazo dos mesmos possibilitaram a melhora da gestão da CBJ, principalmente no que se refere à captação de recursos e consequente investimento no judô de alto rendimento, que se reflete nos resultados técnicos obtidos.

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.