Incidência de Lesões em Jogadores de Futebol de Campo na Categoria de Formação em Um Clube de Curitiba

Por: Felipe Egydio de Carvalho, Luiz Martins de Oliveira e Silva Junior Bernardo Galera.

REFELD. Revista Brasileira de Educação Física, Esporte, lazer e Dança - v.4 - n.1 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O futebol é um dos esportes mais populares do mundo, praticado por mais de 240.000.000 de pessoas em mais de 186 países com praticantes em todas as faixas etárias e em diferentes níveis. Este estudo tem como objetivo realizar um levantamento epidemiológico das lesões ocorridas durante a temporada de 2007, em um clube de formação de jogadores de futebol de campo, verificando a incidência de lesões em 114 atletas com idade variando de 10 a 20 anos, divididos em cinco categorias: mirim 10-11 anos, pré-infantil 12-13 anos, infantil 14-15 anos, juvenil 16-17 anos e júnior 18-20 anos. As lesões mais encontradas foram as entorses de tornozelo e as lesões musculares, seguidos pelos traumas de joelho, pé e tornozelo. Os dados do presente estudo permitem concluir que a freqüência de lesões em jovens atletas em uma temporada é extremamente alta, 436 casos nas cinco categorias presentes. Trabalhos de prevenção de lesões devem ser implementados com êxito na formação de jogadores de futebol.

Endereço: http://www.refeld.com.br/pdf/marco_2009/incidencia.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.