Inclusão Social - Esporte Para Portadores de Nanismo

Por: e Luciana de Oliveira Barros.

Atlas do Esporte no Brasil.

Send to Kindle


Resumo

De acordo com a entidade americana Little People of America (Pessoas de Baixa Estatura da América – LPA), uma organização sem fins lucrativos que oferece apoio e informação para 5,000 pessoas de baixa estatura e suas famílias, há muitas condições e doenças que podem causar baixa estatura. Algumas dessas doenças envolvem uma desordem óssea primária – os ossos não crescem e nem se desenvolvem normalmente. Essas doenças são chamadas de displasia esquelética. De acordo com o Human Genome Database (Banco de Dados do Genoma Humano), já foram identificadas mais de 522 displasias esqueléticas, das quais a acondroplasia ou nanismo é a mais comum atingindo 80% das pessoas de baixa estatura. Trata-se de uma condição genética que resulta em braços e pernas desproporcionais em relação ao resto do corpo (o termo ‘desproporcional’ é usado somente como comparação com pessoas que não têm acondroplasia ou qualquer outro tipo de displasia esquelética), porém apropriados para o portador dessa condição genética. A altura média de adultos com nanismo, também conhecidos como anões, é de 1,20m. Existem outras condições genéticas ou não, com múltiplas causas, que resultam em baixa estatura.

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.