Incontinência Urinária em Mulheres Jovens Praticantes de Exercício Físico

Por: Dayane Aparecida Viana, Lilane Maria Alves Silva, Lislei Jorge Patrizzi e Maycon Sousa Pegorari.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.22 - n.3 - 2014

Send to Kindle


Resumo

RESUMO: Verificar o autorrelato de incontinência urinária em mulheres jovens nulíparas e nuligestas de acordo com as modalidades de exercício físico. A pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade de Franca (UNIFRAN), sob o protocolo de nº 61/2008. Trata-se de estudo quantitativo, descritivo, transversal. Realizado com 108 mulheres do município de Franca-SP praticantes de exercícios físicos, sendo criados três grupos, a saber: G1 musculação, G2 exercício aeróbico e G3 natação. A coleta dos dados procedeu-se nas academias do referido município. Utilizou-se questionário estruturado e as análises procederam por meio de frequências absolutas (n), relativas (%), medidas de centralidade (média) e dispersão (desvio padrão). Aplicou-se o Teste de Proporção entre os grupos com nível de significância estabelecido em 5%.

Endereço: http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/4185

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.