Indicadores Biométricos e Performance dos Velocistas no Atletismo

Por: Washington Rodrigues.

101 páginas. 2003

Send to Kindle


Resumo

Este trabalho teve por objetivo a apresentação de recursos voltados para o desenvolvimento da performance dos velocistas, especialistas nas provas de 100, 200 e 400 metros rasos. Como instrumento metodológico, foi utilizado uma aplicação sistematizada de treinamento com pesos, três vezes por semana durante seis semanas, associado ao treinamento específico de corrida (pista), com duração de 90 a 150 minutos por sessão, no período pré-competitivo. Para análise do desempenho, foram aplicados testes específicos de Aptidão Física (corridas de 50 m lançados, 20 m com saída de bloco, testes de força, resistência muscular localizada, corridas com distâncias entre 100 e 250 m rasos, testes de flexibilidade e composição corporal). Foram avaliados 14 velocistas, sendo 6 mulheres e 8 homens, com uma média de idade de 21 anos. A aplicação dos testes aconteceu em duas etapas, sendo a primeira antes da sistematização do treinamento com pesos e a segunda ao final, totalizando um período de seis semanas. A análise estatística dos resultados foi representada pelo teste T-Student para amostras sobre cada indivíduo. Ao final das seis semanas, foi identificado uma melhora significativa no desempenho, a partir de todas as variáveis analisadas nos testes, inclusive a força muscular, flexibilidade e no aumento da velocidade na corrida em curta distância.

Endereço: http://www.nuteses.temp.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?pesqExecutada=2&id=776&listaDetalhes%5B%5D=776&processar=Processar

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.