Indicadores de Qualidade de Vida em Professores: Uma Revisão Sistemática de Estudos Descritivos

Por: Adair da Silva Lopes, Anelise Bavaresco, Fabiana Cristina Scherer, Mateus Cardoso Colares e Valter Cordeiro Barbosa Filho.

Pensar a Prática - v.18 - n.3 - 2015

Send to Kindle


Resumo

O objetivo foi sistematizar informações sobre indicadores de qualidade de vida (QV) de professores do Ensino Fundamental e Médio. A busca foi realizada em cinco bases de dados e nas referências dos artigos. Dos 14 estudos resultantes, 57% eram com professores de Educação Básica e 43% de Educação Física. A maioria dos estudos ressaltou insatisfação com a remuneração, condições de trabalho inconvenientes, escassez de tempo, ambiente desfavorável e problemas vocais. Conclui-se que a estrutura física, salários e sistemas organizacionais se destacam na literatura como aspectos negativamente associados à QV de professores. Estas evidências servem para nortear políticas de gestão escolar voltadas à melhoria da QV no trabalho e saúde em profissionais do âmbito escolar.

Endereço: http://revistas.ufg.emnuvens.com.br/fef/article/view/32128

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.