Indicadores de Saude em Mulheres Acima de 50 Anos de Idade Participantes de Um Programa de Atividades Fisicas no Complexo da Mare-rj

Por: .

113 páginas. 2004 14/07/2004

Send to Kindle


Resumo

A presente dissertação foi desenvolvida na cidade do Rio de Janeiro-RJ, no Complexo de Favelas da Maré, região da Leopoldina, visando à implantação de um programa de saúde, não assistencialista, para idosos em alto risco social. Avaliou-se os indicadores de saúde relacionados a aptidão física em mulheres com idade igual ou superior a 50 anos ingressantes no projeto ?Bom Dia Maré Caminhada?, realizado na Vila Olímpica da Maré. Foram avaliadas 144 voluntárias em um estudo do tipo transversal observacional descritivo. As variáveis de saúde investigadas foram: pressão arterial circunstancial, peso, estatura, índice de massa corporal, independência funcional e flexibilidade. Apesar da dimensão do Complexo da Maré, apenas sete comunidades participaram do estudo, pois muitas pessoas deste local receiam o trânsito em determinadas áreas. Como critério de inclusão da amostra utilizou-se o PAR-Q, onde os participantes do estudo foram os que apresentaram mais de uma resposta afirmativa. Foi identificada alta prevalência de obesidade (46,7%), adiposidade abdominal (91,2%) e hipertensão arterial circunstancial (63,4%) indicando o elevado risco cardíaco presente no grupo. Na avaliação da independência funcional constatou-se que quanto mais avançada a idade maior o desequilíbrio corporal; e que se torna mais difícil levantar do que sentar durante a execução do teste. Este gesto motor tem grande relevância na independencia funcional o que influencia as atividades da vida diária. Em relação a flexibilidade, os índices obtidos foram baixos, demonstrando pouco condicionamento desta valência. Conclui-se que há mulheres residentes na Maré com quadro de obesidade, e que este agravo de saúde não possui um delineador social, ou seja, ele atinge a todas as camadas. A hipertensão arterial circustancial encontrada pode ter relação com o quadro de saúde, mas fundamentalmente tem influência das condições ambientais conflituosas em áreas de risco social. Recomenda-se que programas desta ordem sejam implantados em comuninadades com as mesmas caracteristicas, e que, as populações desta natureza tenham a oportunidade de iniciar atividades físicas voltadas à saúde, com o intuito de diminuir o nível de sedentarismo em mulheres de meia idade no Brasil.

Endereço: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000358843&opt=1

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.