Influência da Ginástica Aeróbica na Redução dos Níveis da Depressão e Peso em Mulheres Sedentárias da Cidade da Beira

Por: Agostinho Tsinine, Sílvio Saranga e Vicente Temb.

XVI Congresso de Ciências do Desporto e Educação Física dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

A depressão é uma patologia que afecta milhões de pessoas no mundo, e para seu tratamento geralmente são utilizados medicamentos ou psicoterapias. Nos últimos anos, estudos sugerem que exercícios físicos também podem ser utilizados na redução ou tratamento de quadros depressivos. O presente estudo teve como objectivo avaliar a influência da ginástica aeróbica nos níveis da depressão e peso em mulheres sedentárias. A amostra foi composta por 36 sujeitos do sexo feminino residentes na cidade da Beira, com uma média de idade =31.42±3.93, divididos em dois grupos, Grupo Experimental (GE) e Grupo Controlo (GC). O GE foi submetido a um programa de ginástica aeróbica durante 12 semanas com frequência de 3 vezes por semana. No período pré e pós programa de exercícios físicos, foi aplicado o Inventário de Beck para Depressão (BDI). Para verificar o efeito do programa de ginástica aeróbica foi utilizado o teste ANOVA para medidas repetidas com o nível de significância em 5%. Os valores médios mostram que no momento inicial não houve diferenças estatisticamente significativas entre o GC e o GE, com valores de prova para a depressão (p=0.992) e peso (p=0.635). Após administração do programa de ginástica aeróbica para o GE os valores médios revelaram diferenças estatisticamente significativas em comparação com o GC sendo depressão (p=0.001) e peso (p=0.042), estes resultados sugerem que a ginástica aeróbica influencia em grande escala na redução dos sintomas depressivos e que os indivíduos que não praticaram ginástica aeróbica viram os seus níveis de depressão e peso incrementados.

Endereço: http://www.fade.up.pt/rpcd/entradaPT.html

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.