Influência do Perfil Psicológico de Gênero Sobre os Níveis de Estresse e de Aptidão Física Relacionada à Saúde em Integrantes do Bope/pi

Por: Enéas de Freitas Dutra Júnior.

2012 05/10/2012

Send to Kindle


Resumo

É fato comprovado que a prática de atividade física é eficaz no combate ao estresse, no entanto com criação do Modelo Interativo, proposto a fim de avaliar os esquemas de gênero do auto conceito, classificando os sujeitos em três grupos principais, Heteroesquemáticos Masculino, Isoesquematicos e Hetroesquematicos Femininos onde há uma associação entre a consistência comportamental de acordo com o grupo a que pertença, é relevante que se faça a correlação entre perfil psicológico de gênero, aptidão física e estresse para se compreender atitudes e comportamentos de diferentes sujeitos diante de situações diversas. Portanto este estudo teve como objetivo avaliar a há influência do perfil psicológico de gênero de homens integrantes de um Batalhão da Polícia Militar do Estado do Piauí sobre seus níveis de estresse e de aptidão física relacionada à saúde. Método: o estudo caracteriza-se como descritivo quantitativo observacional e correlacional e foi desenvolvido com 42 integrantes do Grupo de Ações Táticas da policia militar do estado do Piauí, todos do sexo masculino. Como instrumentos de coleta de dados foram utilizados o Inventário Masculino dos Esquemas de Gênero do Autoconceito – IMEGA para avaliar o perfil psicológico de gênero e o Modelo Fatorial de Estresse – MFE para avaliar o nível de estresse, a aptidão física relacionada à saúde foi avaliada através da aplicação de testes motores como flexibilidade, força / resistência muscular localizada (abdominal e flexão de cotovelo), teste de 12 minutos, além destes foi realizada também a avaliação do % de gordura com o método de dobras cutâneas através da equação de 7 dobras proposta por Jackson e Pollock. Os resultados demonstraram que os soldados apresentaram somente dois grupos tipológicos de gênero, Isoesquemáticos (61%) e Heteroesquemáticos Masculinos (39%), quanto aos resultados dos testes motores para flexibilidade foi de 37,4 ± 8,52 centímetros, abdominais de 49,75 ± 6,68 repetições por minuto, flexão de cotovelos de 43 ± 11,45 repetições, VO2max de 45,22 ± 3,45 ml(kg/min)-1 e % de gordura de 11,65 ± 4,02. Quanto ao estresse, os soldados não apresentaram níveis elevados de estresse. Conclusões: embora os resultados do perfil psicológico de Gênero sejam condizentes com as características da profissão dos sujeitos da amostra, verificou-se não haver influência do perfil psicológico de gênero sobre os níveis de aptidão física, nem tão pouco sobre os níveis de estresse.

Endereço: https://bdtd.ucb.br:8443/jspui/handle/tede/2064

Comentários


:-)





© 1996-2017 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.