Influência do Treinamento com Pesos Sobre a Capacidade Funcional de Mulheres Idosas

Por: Arli Ramos de Oliveira, Maíra Tristão Parra, Márcia Greguol e Sérgio Alencar Parra.

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.17 - n.3 - 2009

Send to Kindle


Resumo

O envelhecimento é caracterizado por mudanças biológicas, psicológicas e sociais que acabam interferindo no comportamento de indivíduos idosos. À medida que a idade cronológica aumenta, as pessoas se tornam menos ativas e escolhem atividades com menores demandas energéticas, o que provoca diminuição na aptidão física e na capacidade funcional. O objetivo do presente estudo foi verificar o comportamento dos componentes da capacidade funcional após 12 semanas de treinamento com pesos (TP) em mulheres idosas. Para tanto, a amostra foi composta por 60 mulheres com idade média de 65,66 (± 4,73) anos, estatura média de 156,42 (± 6,13) cm e peso médio de 61,76 (± 9,14) quilos. A amostra foi então dividida em dois grupos: GT, composto por 30 mulheres que realizaram treinamento com pesos; e GA, composto por 30 mulheres que realizaram apenas sessões de alongamento. Para a capacidade funcional foram realizados testes de 30 segundos de sentar e levantar da cadeira, flexão e extensão de cotovelos, caminhar 10 metros e levantar e caminhar. Para a análise dos dados foi utilizado teste t de Student (p ? 0,05). Os resultados apontaram melhoras significativas em todos os testes para o GT (p < 0,05) e no teste de flexão e extensão de cotovelo para o GA (p = 0,00). Conclui-se que um programa de TP estruturado visando o trabalho dos principais grupos musculares pode ser utilizado para a manutenção da população idosa fisicamente independente.

Endereço: http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/view/956

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.