Influência do Voleibol na Densidade Mineral Ossea de Adolescentes do Sexo Feminino

Por: , Rômulo Maia Carlos Fonsecai e Wisley Gontijo de Mesquita.

Revista Brasileira de Medicina do Esporte - v.14 - n.6 - 2008

Send to Kindle


Resumo

Sabe-se que esportes com grandes cargas mecânicas e maior impacto do corpo com o solo resultam em maior massa óssea do que atividades em que o peso do corpo é pouco solicitado. Apesar de o voleibol estar entre os esportes considerados de alto impacto, existem poucos estudos que relacionam sua prática ao desenvolvimento da densidade mineral óssea (DMO). Portanto, o presente estudo teve como objetivo comparar a DMO entre garotas participantes de equipes de treinamento de voleibol e de garotas participantes de atividade física escolar. Foram avaliadas 60 voluntárias com idade entre 13 e 17 anos. Elas foram divididas em grupo voleibol (GV) - composto pelas praticantes de voleibol - e grupo controle (GC). Foram mensurados massa corporal, estatura, consumo de cálcio, DMO do corpo inteiro, da cabeça, do colo do fêmur e do triângulo de Wards e estágio de maturação sexual. Foi utilizado o teste t para amostras independentes, para comparar a diferença entre as médias dos dois grupos (p < 0,05). Os resultados mostraram que a DMO do corpo inteiro (1,174 ± 0,065), colo do fêmur (1,164 ± 0,096) e triangulo de Wards (1,111 ± 0,138) do GV é significativamente maior que a DMO do GC (corpo inteiro: 1,083 ± 0,082; colo do fêmur: 0,998 ± 0,142; triangulo de Wards: 0,944 ± 0,178). Porém, a DMO da cabeça não apresentou nenhuma diferença significativa entre os dois grupos. Portanto, a prática de voleibol apresenta-se como importante esporte para a aquisição de massa óssea durante o final da adolescência e a DMO da cabeça como um possível padrão interno de controle da amostra.

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1517-86922008000600005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.