Influências da Prática de Atividades Físicas na Terceira Idade: Estudo Comparativo dos Níveis de Autonomia Para o Desempenho nas Avds e Aivds Entre Idosos Ativos Fisicamente e Idosos Sedentários

Por: Milene Ribeiro Dias Borges.

Motriz - v.12 - n.1 - 2006

Send to Kindle


Resumo

A prática regular de atividades físicas na terceira idade tem se revelado como um fator determinante no que diz respeito à manutenção da qualidade de vida e do bem estar dos idosos. Este estudo foi elaborado com o intuito de verificar a influência da prática regular de atividades físicas nos níveis de autonomia para o desempenho nas AVDs (atividades da vida diária) e AIVDs (atividades instrumentais da vida diária) em idosos. Para realizar esta investigação, foram comparados os resultados obtidos nas escalas de Katz (1963) e Lawton (1969), por um grupo de 24 idosos praticantes de atividades físicas e um grupo de 24 idosos sedentários. Os resultados do estudo indicaram que os idosos que apresentavam bons níveis de autonomia para o desempenho de suas atividades cotidianas enquanto os idosos sedentários apresentavam maior dificuldade e até mesmo dependência.

Endereço: http://cecemca.rc.unesp.br/ojs/index.php/motriz/article/view/2136/2473

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.