Inovações Não Tecnológicas Aplicadas à Administração Esportiva - Como a Inovação de Marketing e os Novos Modelos de Negócios Alavancaram a Administração Futebolística no Século XXI

Por: Brunno Caleiro Rodrigues Pereira.

Revista de Gestão e Negócios do Esporte - RGNE - v.4 - n.2 - 2019

Send to Kindle


Resumo

No século 21 inúmeras mudanças administrativas foram feitas nas mais diversas áreas empresariais e isso incluiu o mundo dos esportes. Baseado principalmente nas estratégias adotadas por Ferran Soriano, quando membro do conselho administrativo do FC Barcelona, este artigo mostra dois principais aspectos dessas mudanças no mundo do futebol: os novos modelos de negócios adotados pelos grandes clubes internacionais e suas estratégias inovadoras no que tange ao marketing esportivo, como eles impulsionaram clubes a tornarem-se marcas mundialmente famosas, gerando receitas compatíveis ou maiores que as empresas tradicionais como os novos modelos de negócios, incluindo criar conselhos, atribuir cargo empresariais (como um CEO) e tornar o clube realmente uma empresa multinacional. Times como Barcelona, Real Madrid, Manchester City, entre outros, se tornaram companhias multimilionárias dentro do mundo esportivo, sem deixar de lado o potencial dentro dos gramados. Na área de marketing, por exemplo, estratégias mais rígidas de expansão foram adotadas, principalmente, buscando a inserção no mercado asiático com movimentos simples, mas eficazes na hora de atrair esse público. Tais movimentos mostram, não somente no futebol, mas em diversos esportes, como esse mercado esportivo é capaz de produzir resultados muito além da própria competição. A globalização foi um fator fundamental para que essa expansão, essa saída do mercado nacional para o internacional, abrisse as portas para boas administrações esportivas elevarem seus padrões e deixarem de lado um pouco do tradicionalismo de gestões emocionais e visarem uma gestão mais racional. Logo, é possível afirmar que as inovações não tecnológicas são fundamentais para todas as áreas administrativas e empresariais. Não há necessidade de criar um produto novo, mas um método ou serviço que pode alavancar abruptamente o seu negócio, principalmente no mercado esportivo. 
 

Endereço: http://revistagestaodoesporte.com.br/mod/page/view.php?id=126

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.