Insulina Pancreática de Ratos Diabéticos Tipo 1 Submetidos a Um Protocolo de Treinamento Físico Individualizado

Por: C. Ribeiro, E. Luciano, , J. A. Leme, L. Pereira de Moura, M. Barbosa de Araújo, M. Rostom de Mello, R. Ferreira de Moura e R. J. Gomes.

Motricidade - v.8 - n.1 - 2012

Send to Kindle


Resumo

Dado que o diabetes mellitus é considerado um problema de saúde pública mundial, o presente estudo objetivou avaliar a tolerância à glicose oral (TTGo) e concentrações de insulina pancreática (CIP) de ratos diabéticos tipo 1 submetidos a um protocolo de treinamento físico individualizado. Foram utilizados 40 ratos Wistar adultos, onde metade foi induzida ao diabetes por meio de injeção endovenosa de aloxana (32 mg/kg), divididos em quatro grupos (10 por grupo): Controle Sedentário (CS), Controle Treinado (CT), Diabético Sedentário (DS) e Diabético Treinado (DT). O treinamento físico consistiu de natação, 1 h/dia, 5 dias/semana durante 8 semanas, com sobrecarga equivalente a 90% da transição metabólica aeróbia/anaeróbia determinada no início do experimento. Os ratos dos grupos DS e DT apresentaram redução de peso corporal em relação aos controles, a qual foi menos acentuada no grupo DT. As ingestões hídrica e alimentar aumentaram nos grupos diabéticos em relação aos controles. Durante o TTGo, os valores de área sob a curva glicêmica dos grupos diabéticos foram superiores aos dos controles. O treinamento físico atenuou esta elevação. Os grupos diabéticos apresentaram CIP reduzida quando comparados aos grupos controles. O protocolo de treinamento físico empregado, embora não tenha alterado a CIP, melhorou a homeostase glicêmica e atenuou a perda de peso corporal dos animais diabéticos. 

Endereço: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1646-107X2012000100004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.