Intervenção Profissional e Formação Superior em Educação Física: Articulação Necessária Para a Qualidade do Exercício Profissional

Por: (Organizador).

86 páginas. CONFEF. 2015

Send to Kindle


Sobre a Obra

Apresentação

A regulamentação da profissão de Educação Física no Brasil engloba fases distintas que historicamente se conjugam e se complementam. Com a aprovação da Lei Federal nº 9.696, de 1º de setembro de 1998, foi concretizada a luta dos vários profissionais que abriram e sedimentaram o caminho da regulamentação dessa profissão e investiram os profissionais de Educação Física, registrados no Conselho Federal e Conselhos Regionais de Educação Física - Sistema CONFEF/ CREFs, da prerrogativa de ministrar/orientar atividades físicas e esportivas.

Assegurada a regulamentação da profissão de Educação Física estabeleceu- -se um novo patamar na trajetória de consolidação desta área de conhecimento, ocasião em que alcançou maior visibilidade social e acadêmica, e foram definidas as suas diferentes áreas de intervenção profissional, a exemplo das demais profissões regulamentadas. Entretanto, ainda há muito para ser feito principalmente no aprimoramento permanente da qualidade do exercício profissional que tem na formação superior o seu principal ponto de interseção.

Para materializar as metas estabelecidas e reafirmar a assertividade da sua criação, o Sistema CONFEF/CREFs apresenta esta publicação visando contribuir para a superação dos desafios que a busca de convergência entre as responsabilidades sobre a qualidade do exercício profissional e a formação acadêmica impõe.

Assim, este documento não pretende ser um modelo para o percurso acadêmico dos futuros profissionais. O que se deseja é transformar as experiências adquiridas no acompanhamento do exercício profissional em iniciativas de caráter cooperativo, no sentido de elevar cada vez mais o ensino superior na especificidade da Educação Física, e de aproximá-lo, ainda mais, das demandas da sociedade.

A educação física, o esporte, a atividade física, o exercício físico são atividades que se constituem direitos definidos na Constituição Brasileira e que são reconhecidos como importantes fatores para a educação, a saúde e a qualidade de vida da população. Esta realidade exige de todos os segmentos envolvidos a realização de iniciativas que, para além da crítica pura e simples, conduzam à prática profissional qualificada, que sinalizem a possibilidade real de diálogo entre os responsáveis pela qualidade da formação acadêmica, do exercício profissional e das estruturas organizacionais do mercado de trabalho.

O CONFEF reconhece o esforço empreendido pela sua Comissão de Ensino Superior e Preparação Profissional na realização desta publicação e agradece a todos os representantes das Comissões de Ensino Superior dos Conselhos Regionais de Educação Física que contribuíram nas discussões das versões iniciais deste documento por ocasião do I Encontro Interativo do Sistema CONFEF/CREFs, realizado no ano de 2013.

Com essa compreensão fica assegurada, mais uma vez, o cumprimento da missão do Sistema CONFEF/CREFs, o seu compromisso com a sociedade brasileira e com a categoria profissional que representa.

Jorge Stenhilber

Presidente do CONFEF

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.