Intervenções em Atividade Física e Seus Impactos nos Fatores de Risco e nas Doenças Crônicas Não Transmissíveis em Adultos no Brasil

Por: Arilson Fernandes Mendonça de Sousa e Júlia Aparecida Devidé Nogueira.

Revista Brasileira de Atividade Física & Saúde - v.16 - n.3 - 2011

Send to Kindle


Resumo

A inatividade física está relacionada ao desenvolvimento de doenças crônicas não transmissíveis (DCNT); e a prevalência de ambas está aumentando no Brasil. O objetivo desta revisão foi apresentar os efeitos de intervenções em atividade física (AF) na saúde, nos fatores de risco e nas DCNT em adultos Brasileiros. A revisão buscou artigos científicos publicados entre 2003 a 2010 no PubMed, Lilacs, Cochrane, Scielo e BVS, sobre intervenção em AF para promoção da saúde ou redução de fatores de risco ao desenvolvimento de DCNT em adultos brasileiros de ambos os sexos. Foram encontrados oito estudos condizentes com os critérios de inclusão. Os dados gerais dos estudos e os resultados das intervenções foram tabulados, e os fatores limitantes e intervenientes foram realçados e analisados criticamente. Os resultados apontam que, apesar do grande potencial que a prática regular da AF possui para a promoção da saúde, em especial para indivíduos já portadores de alguma alteração fisiológica, as intervenções realizadas para estimular AF populacionais carecem de melhor controle de aspectos metodológicos tais como: a necessidade de grupo controle com pareamento para as variáveis intervenientes, controle do nível inicial de AF dos participantes, controle dietético, controle da participação e adesão às intervenções, e períodos mais prolongados de estudo para saber se os efeitos obtidos permanecerão em longo prazo. Espera-se, com a discussão destes pontos, contribuir para a melhor qualidade de futuros estudos sobre intervenções de AF e saúde no Brasil.

Endereço: http://www.sbafs.org.br/_artigos/466.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.