Inventariar Contos Sobre Futebol: o Estrangeiro e a Mulher nas Antologias Brasileiras

Por: Gustavo Cerqueira Guimarães.

Aletria: Revista de Estudos de Literatura - v.26 - n.3 - 2016

Send to Kindle


Resumo

Este artigo tem o objetivo de apresentar as dezoito principais antologias de contos sobre futebol em circulação no Brasil, a exemplo de Onze em campo (1986) e 22 contistas em campo (2006), organizadas por Flávio Moreira da Costa, e Entre as quatro linhas (2013), organizada por Luiz Ruffato, levando em consideração alguns de seus paratextos, particularmente o prefácio, o sumário, o título, as referências, o nome e as notas de autoria, segundo a concepção de Gérard Genette. Paralelamente a essa apresentação, aponta-se para duas problematizações importantes relacionadas aos estudos comparatistas e ao mundo futebolístico. Em um primeiro momento, menciona-se a presença de autores estrangeiros em algumas das antologias, o que nos permite apontar para a tensão entre o local e o global presente nas narrativas sobre o futebol desde sua chegada ao Brasil. Num segundo momento, constata-se a baixíssima quantidade de contos publicados por mulheres em relação aos homens, dentre elas Rachel de Queiroz, Hilda Hilst, Edla van Steen, Edy Lima, Adriana Lisboa e Tatiana Salem Levy, suscitando questões relativas à participação da mulher tanto no futebol quanto no discurso literário que o tematiza. Tais aspectos demonstram como o futebol e a literatura (e a edição) se relacionam, dramatizando e refletindo aspectos socioculturais do sujeito contemporâneo.

Palavras-chave: antologias de contos sobre futebol; futebol e gênero; estrangeiro; paratexto; literatura comparada.

Referências

HISTÓRIAS de futebol. Prefácio de Juca Kfouri. São Paulo: Nova Alexandria, 2006.

A BOLA gira com o mundo. Ilustração de Valeriano. São Paulo: Nova Alexandria, 2006. (Coleção Prazer em Ler).

ARAÚJO, Carlos Magno; CASTRO, Gustavo de; LIMA, Samarone (Org.). A cabeça do futebol. Brasília: Casa das Musas, 2009.

BRANCO, Marcelo Simões (Org.). Outras copas, outros mundos. Ilustração de Mario Mastrotti e Octávio Aragão. São Caetano do Sul, SP: Ano-Luz, Grupo PECAS, 1998.

BRASIL. Conselho Nacional de Desportos. Decreto-Lei n. 3199 de 14 de abril de 1941. Estabelece as bases de organização dos desportos em todo o país. Brasília, DF, 1941. Seção 1. Disponível em: goo.gl/naHg7I. Acesso em: 25 ago. 2016.

CASTRO, Gustavo de; LIMA, Samarone; ARAÚJO, Carlos Magno (Org.). A cabeça do futebol. Brasília: Casa das Musas, 2009.

COELHO, Eduardo (Org.). Donos da bola. Rio de Janeiro: Língua Geral, 2006.

CORNELSEN, Elcio; SILVA, Silvio Ricardo. O futebol visto da academia: entrevista com Elcio Cornelsen e Silvio Ricardo. Em Tese, Belo Horizonte, v. 20, n. 1, p. 169-176, jan./abr. 2014. Entrevista concedida a Marcelino Rodrigues da Silva.

COSTA, Flávio Moreira da (Org.). 22 contistas em campo. Rio de Janeiro: Ediouro, 2006.

COSTA, Flávio Moreira da (Org.). Onze em campo e um banco de primeira. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 1998.

COSTA, Flávio Moreira da (Org.). Onze em campo. Rio de Janeiro: Francisco Alves, 1986.

COSTA, Flávio Moreira da. Entrevista com Flávio Moreira da Costa. G1, Rio de Janeiro, 16 jan. 2009. Máquina de Escrever. Disponível em: . Acesso em: 25 ago. 2016.

COSTA, Flávio Moreira da. Malvadeza Durão – mais, Nélson Barbante, Neizinho Copacabana, Coisa Ruim, Bezerro Bill, Drácula e outros contos malandros. Rio de Janeiro: Record, 1981.

COUTINHO, Edilberto. Maracanã, adeus: onze histórias de futebol. 9. ed. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1994.

CUNHA, Teresa Cristina de Paiva Montes. O início do futebol feminino no Brasil. In: KESSLER, Cláudia Samuel (Org.). Mulheres na área: gênero, diversidade e inserções no futebol. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2016. p. 233-254.

DIAFÉRIA, Lourenço; PIZA, Daniel; ANGELO, Ivan (Org.). A vez da bola: crônicas e contos do imaginário esportivo brasileiro. Ilustração de Eduardo Burato e Werner Schulz. São Paulo: Companhia Editora Nacional, 2004. (Coleção Toque de Letra; Série Lazuli).

ESTANTE Virtual. Disponível em: .

FRANCO JÚNIOR, Hilário. As cores da vida. In: ARAÚJO, Carlos Magno; CASTRO, Gustavo de; LIMA, Samarone (Org.). A cabeça do futebol. Brasília: Casa das Musas 2009. p. 123-131.

GALUPPO, Ricardo. Raça e amor: a saga do Clube Atlético Mineiro vista da arquibancada. Rio de Janeiro: Ediouro, 2005.

GARCIA, Edson Gabriel. O goleiro do time. In: MATTOS, Cyro de (Org.). Contos brasileiros de futebol. Brasília: LGE, 2006. p. 93-96.

GENETTE, Gérard. Paratextos editoriais. Tradução de Álvaro Faleiros. Cotia, SP: Ateliê Editorial, 2009.

GIGLIO, Sérgio Settani; SPAGGIARI, Enrico. A produção das ciências humanas sobre futebol no Brasil: um panorama (1990-2009). Revista de História, São Paulo, n. 163, p. 293-350, jul./dez. 2010. Dossiê História e Futebol.

GOELLNER, Silvana Vilodre. Apresentação. In: KESSLER, Cláudia Samuel (Org.). Mulheres na área: gênero, diversidade e inserções no futebol. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2016. p. 13-15.

GOELLNER, Silvana Vilodre. Mulher e esporte no Brasil: entre incentivos e interdições elas fazem história. Pensar a Prática, Goiânia, v. 8, n. 1, p. 85-100, nov. 2005.

GOELLNER, Silvana Vilodre. Mulheres e futebol no Brasil: entre sombras e visibilidades. Revista Brasileira de Educação Física e Esporte, São Paulo, v. 19, n. 2, p. 143-151, jun. 2005.

GOELLNER, Silvana Vilodre. Pode a mulher praticar o futebol? In: CARRANO, Paulo Cesar Rodrigues (Org.). Futebol: paixão e política. Rio de Janeiro: DP&A, 2000. p. 79-93.

HISTÓRIAS de ficção científica por Carla Cristina Pereira, Gerson Lodi-Ribeiro. Editora Draco, [20--]. Disponível em: goo.gl/FDqmT7. Acesso em: 15 ago. 2016.

LIMA, João Gabriel de (Org.). Livro Bravo! Literatura e futebol. Projeto gráfico de Klaus Bernhoeft. Ilustração de Ricardo Soares. São Paulo: Ed. Abril, 2010.

LIVRARIA Cultura. Disponível em: http://www.livrariacultura.com.br/.

LUDOPÉDIO. Disponível em: http://www.ludopedio.com.br/.

MATTOS, Cyro de (Org.). Contos brasileiros de futebol. Brasília: LGE, 2006.

MIGUEL, Adilson. Apresentação. In: MIGUEL, Adilson; VIANA, Maria (Org.). Histórias de futebol. Ilustração de Rubem Filho. São Paulo: Scipione, 2006.

MIGUEL, Adilson; VIANA, Maria (Org.). Histórias de futebol. Ilustração de Rubem Filho. São Paulo: Scipione, 2006.

MOUTINHO. Apresentação. In: LIMA, João Gabriel de (Org.). Livro bravo! Literatura e futebol. São Paulo: Ed. Abril, 2010. p. 10-13.

NASCIMENTO, Edônio Alves do. A esfera como metáfora: representações do futebol no campo da literatura (leituras do tema no conto de ficção). 2011. 403 f. Tese (Doutorado em Linguística Aplicada e Literatura Comparada) – Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2011.

NAVAS, Adolfo Montejo. Mínimas palavras antes de entrar em campo. In: NAVAS, Adolfo Montejo (Org.). A bola entre palavras. São Paulo: Annablume, 2010. p. 7-9.

OSTERMANN, Ruy Carlos (Org.). Meia encarnada, dura de sangue: literatura e esporte. Porto Alegre: Artes e Ofícios, 2001.

PEDROSA, Milton (Org.). Gol de letra: o futebol na literatura brasileira. Rio de Janeiro: Editora Gol, 1967.

PIAZZI, Giulia. Esporte de massa como objeto de nicho: uma análise editorial do mercado de livros de futebol. 2015. 92 f. Monografia (Graduação em Letras – Tecnologias de Edição) – CEFET/MG, Belo Horizonte, 2015. Disponível em: https://goo.gl/w2Mmw5. Acesso em: 25 ago. 2016.

PIMENTEL, Luís (Org.). Paixão e ficção: contos e causos de futebol. Rio de Janeiro: Myrrha, 2009.

PIÑEIRO, Claudia. Las dueñas de la pelota: cuentos de fútbol escritos por mujeres. Buenos Aires: El Ateneo, 2014.

RAMOS, Ricardo (Org.). A palavra é... futebol. Seleção de fotos de Andréa Cozzolino. São Paulo: Scipione, 1990.

RIBEIRO, Paulo. Vinagre deu uma voadeira. In: OSTERMANN, Ruy Carlos (Org.). Meia encarnada, dura de sangue – literatura e esporte. Porto Alegre: Artes e Ofícios, 2001. p. 62-64.

RIGOBELLI, Marco (Org.). Futebol: histórias fantásticas de glória, paixão e vitórias. São Paulo: Draco, 2014.

RIGOBELLI, Marco. Prefácio. In: ______ (Org.). Futebol: histórias fantásticas de glória, paixão e vitórias. São Paulo: Draco, 2014.

RUFFATO, Luiz (Org.). Entre as quatro linhas: contos sobre futebol. São Paulo: Editora DSOP, 2013.

RUFFATO, Luiz. O mundo inimigo. Rio de Janeiro: Record, 2005. (Inferno Provisório, v. II).

SÁ, Jorge de. A crônica. São Paulo: Ática, 1997.

SALVINI, Leila; MARCHI JÚNIOR, Wanderley. Uma história do futebol feminino nas páginas da revista Placar entre os anos 1980-1990. Movimento, Porto Alegre, v. 19, n. 1, p. 95-115, out. 2012.

SANTANA, Telê. Preleção do Mestre. In: BRANCO, Marcelo Simões (Org.). Outras copas, outros mundos. São Caetano do Sul, SP: Ano-Luz, Grupo PECAS, 1998. p. IX.

SCHLEE, Aldyr Garcia. Aldyr Garcia Schlee trata da fronteira imaginada em sua literatura. Zero Hora, Porto Alegre, 26 out. 2013. Entrevista. Disponível em: goo.gl/FnKc5M. Acesso em: 15 ago. 2016.

SCHLEE, Aldyr Garcia. Maestros del fútbol. In: OSTERMANN, Ruy Carlos (Org.). Meia encarnada, dura de sangue – literatura e esporte. Porto Alegre: Artes e Ofícios, 2001. p. 74-80.

SILVA, Silvio Ricardo da. Levantamento da produção sobre o futebol nas ciências humanas e sociais de 1980 a 2007. Belo Horizonte: Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional/UFMG, 2009.

STEIN, Shawn; CAMPISI, Nicolás (Org.). Por amor a la pelota: once cracks de la ficción futbolera. Santiago: Cuarto Proprio, 2015.

VALDANO, Jorge (Org.). Contos de futebol. Tradução de Conceição Silva, Fernanda Holbeche, Manuel Alberto. Lisboa: Relógio d’Água, 2002.

VALDANO, Jorge (Org.). Cuentos de fútbol. Seleção e prólogo de Jorge Valdano. Buenos Aires: Alfaguara, 1998.

VIANY, Alex. Cinema no Maracanã. In: PEDROSA, Milton (Org.). Gol de letra: o futebol na literatura brasileira. Rio de Janeiro: Editora Gol, 1967. p. 127-131.

Endereço: http://www.periodicos.letras.ufmg.br/index.php/aletria/article/view/11050

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.