Quando a beleza ultrapassa a saúde

Por: .

Diário de Canoas - 2013

Send to Kindle


Resumo

Quando a beleza ultrapassa a saúde

Anabolizantes existem para serem usados em casos específicos, com indicação precisa e devem ser prescritos por médicos 

É comovente saber que uma pessoa de 29 anos foi operada e teve grande parte de seu fígado removido (70% do órgão) devido a vários nódulos malignos. Coloque-se no lugar dos seus pais, imaginando o quanto ela ainda pode viver, fazer planos, ter filhos, crescer na vida profissional. Como uma notícia de doença faz com que esses planos possam ser adiados ou nem mesmo acontecer...

Em novembro deste ano, a ganhadora do Big Brother Brasil 11, Maria Melilo, foi operada e teve quase 70% do seu fígado retirado devido a tumores. Na entrevista à revista Marie Claire, ela assumiu que fez uso de esteróides anabolizantes e que se arrependia disso.

O tumor pode não ter sido causado somente pelo uso de esteróides. Mas já é de conhecimento público o mal que o uso destas substâncias faz. O abuso de anabolizantes causa hipertensão, aumento do colesterol ruim e diminuição do bom, nódulos no fígado, desenvolvimento de mamas nos homens e aparecimento de caracteres masculinos nas mulheres, dificultando (quando não, impossibilitando) ter filhos.

Apesar disto, por que ainda existem pessoas que preferem correr estes riscos para alcançar um padrão de beleza? Existe um distúrbio da auto-imagem, chamado de dismorfismo corporal, onde a pessoa tem uma preocupação excessiva com a sua aparência. Um dos tipos de dismorfismo é a vigorexia, comum em pessoas jovens, que praticam exercícios físicos e acham que a hipertrofia muscular ainda não alcançou o ideal. Estas pessoas se acham "fracas", sem definição e podem se submeter a cirurgias, com colocação de próteses, diminuir o convívio social para treinar e até usar anabolizantes para terem o resultado estético desejado. O treinamento é excessivo, aumentando o risco de lesões graves das articulações, ossos e músculos.

Também existem casos famosos de atletas que, na busca por melhora da performance, usaram anabolizantes e foram banidos do esporte, como Lance Armstrong, dos Estados Unidos, ganhador da Tour de France, uma das provas mais clássicas e competitivas do ciclismo no mundo. Além de perder seus títulos, também enfrenta um processo na corte americana por perjúrio, podendo ser preso. Rebeca Gusmão, da natação brasileira, também foi banida e, recentemente, também esteve internada em estado grave, numa UTI (a causa da internação não foi divulgada).

Comprar anabolizantes no mercado informal ainda aumenta mais o risco de complicações, pois não há garantia da validade, procedência e se a substância foi alterada. Os anabolizantes existem para serem usados em casos específicos, com indicação precisa e devem ser prescritos por médicos.

Dra. Joan Emmanuelle Amato (CRM 36455)
Nutrologia e Medicina do Esporte
Instituto de Medicina e Ciências do Esporte - Sistema de Saúde Mãe de Deus.

Autor: Dra. Joan Emmanuelle Amato 
 

Endereço: http://www.sissaude.com.br/sis/inicial.php?case=2&idnot=20076

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.