Jogos Indígenas da Paraíba: Significados das Práticas Corporais Para a Etnia Potiguara

Por: Patrícia de Jesus Costa dos Santos.

127 páginas. 2016 31/03/2016

Send to Kindle


Resumo

As práticas corporais indígenas ganham destaque nacional devido à idealização dos Jogos dos Povos Indígenas, que abrange representação cultural, esportiva, social, política e religiosa. Idealizado pelos irmãos da etnia Terena Carlos e Marcos Justino, o evento contribuiu para que diversas etnias em todo o país demonstrassem interesse por seus jogos, suas danças e seus ritos, seja através do evento nacional ou através dos jogos regionais, estaduais, interétnicos e/ou torneios locais que ocorrem ao longo do ano nas diversas etnias brasileiras. Esse estudo objetiva compreender os significados dos Jogos Indígenas da Paraíba para a etnia Potiguara, a fim de delinear suas práticas corporais, buscando explorar seus significados e conhecer os rituais apresentados. A pesquisa de abordagem qualitativa foi construída em formato de artigos científicos, sendo caracterizado como um estudo de inspiração etnográfica, realizado durante os V Jogos Indígenas da Paraíba nos municípios de Baía da Traição e Marcação. Os sujeitos da pesquisa foram os participantes do evento, sem distinção de gênero, divididos em três grupos de análise: a) lideranças indígenas, b) participantes das modalidades e c) gestores. Como instrumentos para coleta de dados, foram empregados três roteiros de entrevista semiestruturada, contendo perguntas pertinentes ao tema estudado, sendo um para cada grupo, bem como um diário de campo e um gravador de voz para a coleta dos registros orais. Duas câmeras digitais e uma câmera filmadora foram utilizadas para coletar os dados visuais. As entrevistas foram transcritas com o auxílio do software Format Factory 3.6.0 a fim de converter os arquivos para o formato MP3, para em seguida ser associado ao Express Scribe v 5.70, programa que auxilia na transcrição. As entrevistas foram associadas a informações paralelas percebidas através dos gestos e expressões corporais observadas. Os dados encontrados foram apreciados à luz da análise de conteúdo temático na qual demonstra que o evento apresenta diferentes significados, constituindo momentos de celebração, de prática religiosa e negociação política. Nesta pesquisa foi possível identificar que o evento constituiu um universo de significados para os Potiguara em que foram percebidos elementos como o incentivo às práticas corporais, as relações políticas, entre outros aspectos de ordem social. Para os participantes, o Toré é o símbolo maior da etnia, sendo motivo de orgulho para o povo Potiguara, apesar de ser perceptível a ausência de jovens e a preocupação de algumas lideranças neste tocante. Quanto às suas práticas corporais, a etnia considera o futebol e o surf como uma tradição na comunidade. Por fim, foi ressaltado como o poder político envolve os JIP, pois mesmo sendo um movimento de divulgação cultural e celebração, a abertura e o encerramento do evento é um momento direcionado aos órgãos públicos e à imprensa, sendo voltado para negociações políticas. Palavras-chave: Potiguara. Jogos indígenas. Práticas Corporais.
 

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.