Jornalismo Esportivo: os Craques da Emoção

Por: Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro.

116 páginas. Prefeitura do Rio de Janeiro. 2004

Send to Kindle


Sobre a Obra

O primeiro jornal, no Brasil, a dedicar parte do seu espaço ao noticiário esportivo não era escrito em português. Tratava-se do Fanfulla, dirigido à colônia italiana de São Paulo e, portanto, escrito em italiano. Foi justamente um aviso publicado naquele jornal, convocando os leitores a formar um time de futebol, que deu origem ao Palestra Italia, rebatizado de Palmeiras na época da II Guerra Mundial.

Em 1928, surgia A Gazeta Esportiva, um suplemento do jornal paulista A Gazeta. O sucesso junto ao público foi tão grande que acabou se tornando uma publicação independente, com circulação diária. Nos jornais cariocas, o futebol também conseguiu um grande espaço, ainda no tempo em que sequer se imaginava ver esse esporte tão britânico transformado numa paixão nacional. É também na cidade do Rio de Janeiro que ainda se mantém em circulação um dos primeiros jornais exclusivamente dedicados ao noticiário esportivo. Estamos falando do Jornal do Sports, fundado em 1930, que passou a ser nacionalmente conhecido como “o cor-de-rosa”, devido à cor das suas páginas.

As crônicas sobre temas relacionados ao futebol representam um capítulo à parte. Algumas, escritas por Mário Filho e Nelson Rodrigues, tornaram-se verdadeiras peças de literatura, usando uma linguagem dramática que transformava os jogadores em mito. A paixão com que escreviam lhes fazia cometer, às vezes, o pecado da imprecisão. Mas o resultado final compensava o pecado.

Os grandes jornais passaram a dedicar ao esporte cada vez mais espaço, até que, no final da década de 60, surgiu uma novidade que veio para ficar: cadernos exclusivamente dedicados ao esporte. A partir daí, pode-se dizer que o país passou a ter uma imprensa esportiva, com profissionais especializados no assunto.

O jornalismo esportivo, hoje, é aprimorado nas faculdades por meio de técnicas que ensinam como apurar e elaborar uma boa reportagem. Mas a paixão continua presente. Este volume dos Cadernos da Comunicação, Série Estudos, apresenta o mundo fascinante do jornalismo esportivo. Profissionais da imprensa escrita, de rádio e de TV, além de professores universitários, falam da tática e da técnica necessárias para chegar ao coração dos torcedores.

Ágata Messina

Secretária de Comunicação Social

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.