Jovens Praticantes de Skate e Seu Cotidiano

Por: Marcelo Rampazzo e .

Motrivivência - v.28 - n.48 - 2016

Send to Kindle


Resumo

Nessa pesquisa, focamos os jovens e seu cotidiano, trazendo elementos que discutem o lazer, família, educação e trabalho. Pesquisa realizada com um grupo de jovens skatistas, numa pista pública de skate na cidade de Porto Alegre - RS. Foram ao todo nove meses de observação direta, cada qual relatada em Diários de Campo. Procuramos compreender como o lazer dos jovens que se dava pela prática do skate, se relacionava como outros aspectos de seu cotidiano. Após concluir o trabalho, consideramos que - para se manter na prática do skate - os jovens necessitam conciliar as cobranças de suas famílias, além das rotulações e estereótipos impostas de fora do universo de praticantes desse esporte. Percebemos, ainda, que os jovens passam por tudo isso com o propósito de manter seus “projetos” no skate.

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/motrivivencia/article/view/2175-8042.2016v28n48p207

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2016 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.