Latência e Acurácia de Respostas Motoras a Estímulos Visuais em Situações de Estresse

Por: Nelson Toshiyuki Miyamoto.

2010 10/05/2010

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito do estresse, provocada pela presença de espectadores participativos, no controle motor O estresse foi avaliado através de medidas fisiológicas (frequência cardíaca e cortisol salivar). Em cada teste a tela do computador apresentava de início um pequeno círculo central (diâmetro de 0,4 cm), um segundo círculo do mesmo tamanho, situado cerca de 6,3 cm verticalmente abaixo do circulo central e um terceiro círculo, na parte superior da tela, cerca de 4,1cm verticalmente acima do círculo central. Os três círculos representam, respectivamente, a bola, o cobrador do pênalti e o goleiro A tarefa do voluntário era inclinar uma alavanca no exato momento do contato, e se possível na direção oposta à movimentação do goleiro. Na situação com estresse, o índice de erro ficou por volta de 25% Tanto a frequência cardíaca quanto o cortisol salivar apresentaram aumento estatisticamente significativo na presença de torcida. O estresse parece exercer uma influência negativa na tomada de decisão na execução de um movimento

Endereço: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/42/42137/tde-20052010-145939/pt-br.php

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.