Lazer, Arte e Competição: Uma Análise Etnográfica Sobre Um Modo de Viver as Danças Tradicionais Gaúchas

Por: Diego Nunes Moresco e .

Licere - v.22 - n.3 - 2019

Send to Kindle


Resumo

Este trabalho é fruto de uma etnografia produzida no universo do tradicionalismo gaúcho, em um grupo de danças tradicionais. No estudo, esta prática é encontrada a partir de competições artísticas, sendo que participar destes grupos parece produzir uma série de sentidos e significados que extrapolam as definições de um lazer fruído e desinteressado. Ao longo do estudo verificou-se um caráter sério e produtivista na maneira como os integrantes do grupo de danças vivenciavam sua atividade. Esta seriedade parece romper com uma prática puramente artística, produzindo um fazer artístico específico, pautando-se pelo desempenho competitivo, a possibilidade de superação de limites e do desenvolvimento de uma espécie de carreira no lazer.

Endereço: https://periodicos.ufmg.br/index.php/licere/article/view/15309

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.