Lazer e Educação: Um Olhar Sobre as Ações Educativas Realizadas em Museus

Por: .

XXV ENAREL - Encontro Nacional de Recreação e Lazer

Send to Kindle


Resumo

Este projeto é parte integrante dos estudos desenvolvidos na pesquisa de mestrado intitulada: “Lazer e educação: um olhar sobre as ações educativas realizadas em museus”, realizada nocontexto do Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Estudos do Lazer da UFMG. O estudo tem como objetivo investigar e analisar a articulação entre educação e lazer durante a preparação e o desenvolvimento das ações educativas realizadas em museus de Juiz de Fora, Minas Gerais. Além disso, a pesquisa também visa compreender como são concebidas as ações educativas nesses espaços e como se dá a relação educação-lazer durante as visitas guiadas de grupos formados por estudantes do ensino fundamental nos museus. De abordagem qualitativa, a metodologia deste estudo tem como base o desenvolvimento de uma investigação bibliográfica, observação participante e realização de entrevistas. Cabe ressaltar que a pesquisa de campo e a análise das informações seguirão a lógica exposta por Boaventura de Sousa Santos (2006), se fazendo valer, principalmente, do trabalho intitulado: “Para uma sociologia das ausências e uma sociologia das emergências”, em que o autor propõe três procedimentos sociológicos que sustentam uma nova ele classifica como: a sociologia das ausências, a sociologia das emergências e o trabalho de tradução. Esses procedimentos possuem como objetivo principal a expansão do presente e a contração do futuro (SANTOS, 2006, p. 779). Foram selecionados para a realização do presente estudo o Museu de Arte Moderna Murilo Mendes (MAMMM) e o Museu Ferroviário/Estação Arte (MF/EA). A definição desses museus seguiu os seguintes critérios:maior número de visitantes anual, oferecimento de serviços educativos direcionados para grupos em período escolar, uso diversificado de estratégias de comunicação. É importante destacar que, cada vez mais, é necessário aprofundar os estudos que relacionem o lazer aos museus, sendo relevante não apenas para a captação de público nesses espaços, mas também pela contribuição para a elaboração de políticas públicas capazes de torná-los mais acessíveis e inclusivos. Com isso, o contexto atual sugere que as instituições museais redefinam seus conceitos e práticas para além da ideia de depósitos de objetos e protetores da memória. Os museus, enquanto espaços plenos de construção e intercâmbio de novos saberes, poderiam se aproximar da sociedade com uma linguagem mais popular, mais abertos e de fácil entendimento, rompendo, assim, com a tônica de um espaço de luxo, imponente e científico. Nesse sentido, um espaço privilegiado para se pensar as possibilidades de lazer nos museus, seria a partir da esfera das ações educativas, entendidas aqui como práticas sociais e não apenas como procedimentos que promovam a educação. A pesquisa encontra-se em andamento e, atualmente, desenvolve a fase de pesquisa bibliográfica.

 

Ver Arquivo (PDF)

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.