Lazer e Promoção da Saúde: Um Estudo com Profissionais da Área da Saúde Humana

Por: Gabriela Baranowski Pinto.

Licere - v.9 - n.2 - 2006

Send to Kindle


Resumo

Este artigo constitui a síntese de uma pesquisa que objetivou investigar a importância do lazer na promoção de saúde em clínicas e hospitais. A metodologia adotada combinou uma investigação bibliográfica em conjunto com uma pesquisa exploratória. A amostra foi constituída por 11 professores da UFMG formados nas áreas da saúde humana e inseridos em clínicas e hospitais. Os dados foram coletados através da aplicação de um questionário e analisados qualitativamente através da análise de conteúdo. Os resultados indicaram um entendimento de promoção da saúde pouco aprofundado, na medida em que esta foi considerada apenas como qualidade de vida, tendo sido desconsiderados outros aspectos que compõe o seu significado. Mesmo assim, o lazer foi considerado como um de seus componentes, por seu papel na criação ou manutenção do bem viver e qualidade de vida dos pacientes. O entendimento de ser humano recebeu claramente um tratamento ampliado por parte dos colaboradores que consideraram outros âmbitos além do físico. Houve uma conexão marcante da promoção da saúde com a prevenção de doenças. As crianças e os doentes crônicos foram os grupos apontados como os principais focos do lazer em clínicas e hospitais. Mais estudos são necessários para delinear os aspectos que interferem na atuação dos profissionais do lazer em clínicas e hospitais.

Endereço: http://www.anima.eefd.ufrj.br/licere/sumario.html?ed=12

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.