Lazer e Religião: Identificação das Principais Contribuições das Festas Populares

Por: Tânia Mara Sampaio.

XI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Língua Portuguesa

Send to Kindle


Resumo

Em continuidade a estudos anteriores, cujo propósito fundamental era a
aproximação dos temas Lazer e Religião - uma realidade presente, mas pouco
estudada no campo do Lazer - a festa constitui-se em uma das experiências de
Lazer muito antigas nas sociedades humanas que permanecem presentes como
sendo uma "suspensão do real" e, portanto, fundamental a ser estudada.
Corroborando que o foco da pesquisa tem sido identificar os aspectos lúdicos,
que a priori, propomos como eixo de ligação entre Lazer e Sagrado. Por meio
de uma revisão bibliográfica das áreas de conhecimento da Educação Física e
das Ciências da Religião pretendeu-se estabelecer as relações de sentido entre
estas esferas da vida humana que promovem uma larga produção de saber. A
pesquisa teve como objetivos articular os temas Lazer e Religião com os
referenciais teóricos clássicos dessas temáticas que permitissem identificar os
aspectos lúdicos das festas populares religiosas; além de possibilitar a relação
das áreas pesquisadas com outras áreas de saber; estabelecer um inventário das
principais festas populares religiosas no Brasil, identificando quais os aspectos
significativos em termos de conquistas populares; verificar possíveis processos
de expropriação de suas tradições em vista da homogeneização buscada pela
indústria cultural. Em sua metodologia o projeto tem se constituído de pesquisa
bibliográfica, documental e descritiva de opinião. A festa tem um forte poder
de renovar a esperança e reafirmar os anseios de mudança, pois cada qual traz
para o coletivo o seu melhor desejo e contribui com seus bens, criando assim
a fartura de comida, bebida, música e alegria, que não fazem parte do seu diaa-dia. O lazer tem diversas afinidades com a religião na medida em que
expressam o desejo de bem-estar pessoal, proporcionando oportunidades para
o exercício do livre arbítrio, de modo integrador e abrangente dando significado
especial à re-criação (recreação). Desse modo, entre os resultados da pesquisa,
tem sido possível estabelecer a critica ao lazer com caráter compensatório,
pois ele é utilizado como um instrumento de alienação e controle tanto das
massas empobrecidas, para que elas, através do oferecimento de alguns espaços
de divertimento, não tenham consciência de seus direitos de trabalho, salários
justos, saúde, educação e de moradias dignas, quanto das classes médias, para
que se sintam inseridas e em ascensão na lógica do capitalismo.

Endereço: http://citrus.uspnet.usp.br/eef/uploads/arquivo/78_Anais_p447.pdf

Ver Arquivo (PDF)

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.