Linguagem Corporal e Educação Escolar

Por: Filomena de Carlo Salerno Fabrin.

112 páginas. 2006 10/06/2006

Send to Kindle


Resumo

A presente pesquisa se insere na Linha de Fundamentos Filosóficos e Epistemológicos da Educação. Parte do pressuposto de que a corporeidade não é algo complementar mas um fundamento impreterível para o conhecimento e a prática educacional. Daí a questão central do trabalho: o corpo tem sua linguagem? Como se caracteriza? Como essa linguagem pode contribuir para a educação escolar? Em busca de resposta, a pesquisa inicia sua trajetória mostrando os vários olhares a respeito do corpo desde a antiguidade até os dias atuais, buscando nas várias áreas do conhecimento, a filosofia, a biologia, a neurologia, a psicologia, a antropologia e a educação uma parceria para fundamentar este trabalho. Definimos em seguida o que é linguagem, como ela surgiu entre os seres humanos e conceituamos linguagem corporal. A tarefa de ligar linguagem corporal e educação, dada a ausência de trabalhos que estabelecem esse elo ou focalizam a utilização da linguagem corporal na educação escolar, exigiu uma sondagem em um espaço limitado do Ensino Fundamental I buscando olhar as experiências embrionárias que aí acontecem e seus limites. Enfim, propusemos a partir dos estudos teóricos sobre corpo, corporeidade e linguagem corporal, subsídios para os professores lidarem com essa linguagem na prática pedagógica.

Endereço: https://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/577

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.