Luta Por Autonomia e Liberdade Moral: Orientação Esportiva Como Viabilizadora de Metamorfoses Emancipatórias

Por: Leonardo Pestillo de Oliveira.

153 páginas. 2015 18/09/2015

Send to Kindle


Resumo

Este estudo tem como objetivo investigar a orientação esportiva como fator de influência no desenvolvimento moral em atletas associado à sua busca de autonomia e emancipação. Para alcançar este objetivo, três etapas foram realizadas: (1) Revisar sistematicamente as pesquisas realizadas sobre moral no contexto esportivo para verificar o estado dos estudos quanto às metodologias empregadas, variáveis associadas e referenciais teóricos utilizados; (2) Propor um Modelo Explicativo de Moral no esporte verificando a percepção de autonomia e sua influência no comportamento pró e antisocial nos atletas, mediados pela orientação esportiva; e (3) Analisar a influência do esporte sobre o desenvolvimento moral e a busca da autonomia de um atleta na condição da liberdade moral e política. Cada um destes objetivos corresponde a um Estudo que se complementam para atingir ao objetivo central desta tese. O Estudo 1 trata-se de uma Revisão Sistemática da literatura sobre a moral no contexto esportivo, incluindo estudos de 1982 a 2015. Um total de 113 estudos foram avaliados e apresentados seguindo indicações de três seções: a) características metodológicas dos estudos; b) variáveis associadas à moral; e c) principais suportes teóricos. No Estudo 2 em que é proposto um Modelo Explicativo de Moral no esporte, foram avaliados atletas de diversas modalidades esportivas que ja tenham participado de competições a nível nacional ou internacional. Os instrumentos utilizados para a coleta dos dados foram: Escala de Satisfação de Necessidades Básicas no Esporte (BNSSS); Escala Multidimensional de Orientação Esportiva (MSOS); e Escala de Comportamento Prosocial e Antisocial no Esporte (PABSS). Os dados foram analisados por meio de um Modelo de Equações Estruturais. No Estudo 3 foi realizada uma entrevista com um atleta escolhido a partir dos resultados do Estudo 2, com o intuito de conhecer sua história de vida. A indicação que norteou a narrativa de história de vida do sujeito foi: Conte-me como você chegou até aqui, sua história de vida . O relato do atleta foi analisado a partir do referencial teórico do sintagma Identidade-Metamorfose-Emancipação com foco voltado para a compreensão de como o esporte pode ser um potencializador para o sujeito em busca de sua autonomia. Esta tese apresenta novos achados sobre as variáveis que se relacionam com a moral no contexto esportivo e a busca pela autonomia e emancipação ao longo de sua formação atlética. Com estes resultados, espera-se contribuir para o processo de formação de atletas no contexto brasileiro, sendo uma fonte de informação para profissionais da psicologia e demais áreas sobre como proceder para que o esporte seja um dos fatores que contribuem para o desenvolvimento humano desde o início de sua prática, seja na infância, adolescência ou em atletas profissionais

Endereço: https://sapientia.pucsp.br/handle/handle/17120

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.