Maria Esther Bueno: Entre Saques e Voleios Ela Fez História

Por: Giovanna Garcia Ticianelli e .

XIV Congresso de História do Esporte, do Lazer e da Educação Física - CHELEF

Send to Kindle


Resumo

Maria Esther Bueno — importante tenista brasileira detentora de 19 títulos de Grand Slam — nasceu em São Paulo no dia 11 de outubro de 1939, tendo se aproximado do tênis por influência do seu pai Pedro de Oliveira Bueno, um homem de classe média, que a incentivou a jogar desde criança. Além do seu pai, seu irmão, dois anos mais velho, também praticava o jogo com ela no Clube Regatas do Tietê. Maria Esther Bueno é um exemplo de mulher que conseguiu inserir-se no esporte em uma época em que a participação das mulheres, embora permitida nesta modalidade, enfrentava dificuldades e obstáculos. No Brasil, a ampliação da participação de mulheres no âmbito esportivo se deu no começo do século XX. O país passava pelo contexto da industrialização e urbanização, o que permitiu a prática esportiva pelo incentivo à educação do corpo, expresso na construção de novas praças, parques e lugares destinados aos momentos de lazer e divertimento, com o objetivo de fortalecer os corpos para o desenvolvimento e fortalecimento da nação (GOELLNER, 2005).

Endereço: http://cev.org.br/biblioteca/anais-do-xiv-chelef

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.