Masculinidade, Dança e Esporte: Jeux (nijinsky, 1913), Skating Rink (borlin, 1922) e Le Train Bleu (nijinska, 1924)

Por: Cláudio Lacerda e .

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.30 - n.3 - 2009

Send to Kindle


Resumo

Nos anos iniciais do século XX, as relações entre esporte e dança de alguma forma expressavam representações relacionadas ao quadro de tensões do contexto sociocultural, entre as quais as questões de gênero. Uma das facetas desse relacionamento foi a inserção do esporte em coreografias. Considerando a possibilidade de se debruçar sobre as representações relacionadas à masculinidade, o objetivo desse estudo é discutir três dessas obras: “Jeux” (de Vaslav Nijinsky, 1913) e “Le Train Bleu” (de Bronislava Nijinska, 1924), produzidas por Serge Diaghilev, para seu “Balés Russos”; e “Skating Rink” (de Jean Borlin, 1922), produzida por Rudolf de Maré para seu “Balés Suecos”.

Endereço: http://www.rbceonline.org.br/revista/index.php/RBCE/article/view/221

Ver Arquivo (PDF)

Tags:

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.