Medidas Antropométricas e Estimativa da Estética em Mulheres Jovens

Por: Carlos Alexandre Fett, Elvio Andrade Júnior, Greicielle Pereira Arruda, Katielly Santana, Michelle Jalousie Kommers, Milene Giovana Crepilho Souza, Rosilene Andrade Silva Rodrigues e Waléria Christiane Rezende Fett.

40º Simpósio Internacional de Ciências do Esporte SIMPOCE

Send to Kindle


.Resumo

INTRODUÇÃO: A estética corporal tem importante componente de saúde física e mental sendo pesquisadas pelas áreas que envolvem o exercício físico e a nutrição. O aspecto físico é atributo comum de beleza, saúde, sinais sexuais e reprodutivos em mulheres. OBJETIVO: Criar uma equação para estimar a nota estética corporal de mulheres jovens e testar a existência de diferença no julgamento estético entre homens e mulheres. MÉTODOS: Estudo de observação transversal. A amostra foi composta por 65 mulheres com idade média de 25,2 ± 4,3 anos, saudáveis que no momento das avaliações não poderiam estar no período menstrual, nem gestante. Foram feitas medidas antropométricas para: Composição corporal; índice abdômen/quadril (IAQ); Índice de massa corporal (IMC), somatótipo (endomorfia; mesomorfia; ectomorfia), circunferência muscular do braço (CMB) e a da coxa (CMC). Foram fotografadas em vista anterior, posterior e de perfil vestindo biquíni padronizado. A nota estética foi dada por júri de 32 profissionais de educação física, vinculados diretamente a alguma atividade remunerada direcionada ao fitness a no mínimo 12 meses, sendo 19 homens e 13 mulheres, com as respectivas idades médias (27,79±5,78; 29,85±2,97). Foi utilizada a correlação linear de Pearson e a comparação entre as variáveis foi pelo teste t pareado. A estimativa da equação da nota estética foi pela regressão linear múltipla com significância de p≤0,05. RESULTADOS: Os valores médios da nota votada para homens e mulheres não se diferenciaram quando comparados entre si, e com a média geral (p=0,50). Apenas as variáveis: peso de gordura (kg), IAQ e CMC influenciaram a avaliação estética e através destas variáveis foi desenvolvida a seguinte equação para estimar a nota estética: N . Os valores da correlação destas variáveis com a nota estética votada foram significativos (Peso kg r = -0,651 e p <0,001; IAQ = -0,505 e p <0,001; CMC = 0,336 e p = 0,006). A comparação entre a média das notas estéticas votadas e da nota estética estimada pela nossa equação não foram diferentes entre si (p = 0,50) e foram significativamente correlacionadas (r = 0,81; p < 0,0001). CONCLUSÃO: A associação negativa entre gordura corporal, IAQ e estética sugere que os principais componentes a serem modificado para melhora estética é a gordura corporal, e o IAQ quando em excesso, associado ao desenvolvimento muscular da coxa demonstrou importância na avaliação estética. É possível estimar a avaliação estética em mulheres jovens com medidas antropométricas.

Endereço: http://celafiscs.org.br

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2021 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.