Método Objetivo e Subjetivo de Monitoramento Diário no Muay Thai: Existe Relação?

Por: Danilo Rodrigues Batista, Denis Soares Masson, Felipe de Ornelas, Luccas Gubany Fernandes da Silva, Rodrigo Dantas de Campos, Sidnei José Anselmo, , Vlademir Meneghel e Willian Jorge Mendes.

VI Congresso Sudeste de Ciências do Esporte

Send to Kindle


Resumo

Introdução: Entre os modos de monitoramento de treino, a variabilidade da frequência cardíaca é um método objetivo e não invasivo para mensurar a variação do sistema nervoso autonômico. Também existe a possibilidade de monitoramento subjetivos do estado diário dos atletas. Neste caso, a escala de saúde (5 itens) de Mclean pode ser um método útil para verificar variações da alostase fisiológica diária. Objetivo: Verificar se existe relação entre método objetivo (Variabilidade da Frequência Cardíaca - VFC) e subjetivo (Escala de Saúde - ES) no monitoramento diário do treinamento no Muay Thai. Metodologia: Durante 70 dias, 67 mensurações diárias de monitoramento foram realizadas em um atleta de Muay Thai de nível mundial (6 anos de pratica na modalidade, 24 anos, 98 kg, 1,90m). Durante o período de treinamento 27,6% dos treinamentos foram de força, 36,2% de resistência e 36,2% técnico-táticos de Muay Thai. As medidas eram realizadas logo após o indivíduo acordar. Inicialmente, esvaziava a bexiga quando necessário, deitava na posição supinada com respiração espontânea e registrava por meio da fita polar H10 Bluetooth® os intervalos R-R durante 3 minutos. Na análise final da VFC foi descartado o 1º primeiro minuto, calculando-se a variável lnRMSSD (logaritmo natural da atividade parassimpática da VFC) no software Kubios HRV versão 3.01®. A escala de saúde utilizada era composta por 5 itens (estado de humor, nível de estresse, qualidade do sono, dores musculares e nível de fadiga) com ancoragens verbais e numéricas (1 a 5). A ES é calculada pela soma das respostas nos 5 itens (valor mínimo =5, máximo = 25). Testou-se a normalidade e homocedasticidade pelo teste de Kolmogorov-Smirnov e Levene. Para verificar relação entre lnRMSSD e ES utilizou-se a correlação linear de Pearson com p<0,05. Resultados: Foi encontrada uma correlação significativa positiva entre o método diário objetivo (lnRMSSD) e subjetivo (ES) (r = 0,522; IC95% = 0,32 a 0,68; p= 0,0001). Considerações finais: Os dados sugerem que há correlação positiva entre o método objetivo e o subjetivo testados neste estudo.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.