Método Situacional e Sua Influência no Conhecimento Tático Processual de Escolares

Por: Daniel Medeiros Alves, Jose Francisco Gomes Schild, e Sílvia Teixeira de Pinho.

Motriz - v.16 - n.3 - 2010

Send to Kindle


Resumo

O propósito do presente estudo foi verificar a influência da aplicação de jogos situacionais, sobre os níveis de Conhecimento Tático Processual (CTP) em escolares, na modalidade de handebol. A amostra foi constituída por 35 sujeitos de ambos os sexos na faixa etária entre 10-12 anos. Foram divididos 2 grupos, (1 - Situacional) e (2 - Misto = Analítico + Global). Para o processo de categorização dos métodos de ensino foram filmadas 18 aulas e utilizado o protocolo de Stefanello (1999). Para a avaliação do CTP foi utilizado o teste KORA, desenvolvido por Memmert (2002). Os resultados confirmaram que no grupo 1 houve uma melhoria no CTP dos alunos em todos os parâmetros. Por outro lado, o grupo 2 não apresentou melhora significativa em nenhum dos parâmetros analisados. Portanto, conclui-se que o método de ensino centrado nas capacidades táticas (situacional) é eficaz para estimular o desenvolvimento do conhecimento tático processual.

Endereço: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/motriz/article/view/1980-6574.2010v16n3p580

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.