Mil e Uma Noites de Futebol. o Brasil Moderno de Mário Filho

Por: Marcelino Rodrigues da Silva.

238 páginas. Editora UFMG. 2006

Send to Kindle


Sobre a Obra

No país do samba e do futebol, nada mais oportuno que este livro sobre uma das vertentes da história do futebol brasileiro, escrito a partir da obra jornalística de Mário Filho. Como resultado de um trabalho acadêmico voltado para a interpretação do discurso do jornalismo esportivo do início do século 20, Marcelino Rodrigues da Silva, com Mil e uma noites de futebol: o Brasil moderno de Mário Filho,acrescenta um ponto a mais na bibliografia sobre a narrativa de construção e modernização da nação brasileira.

Ao se munir de reflexão teórica fornecida pelos atuais intérpretes da crítica cultural, o trabalho não se restringe ao tema da crônica futebolística, por envolver um período histórico marcado pela ditadura Vargas. A passagem de uma posição elitista e socialmente excludente do futebol para a sua popularização e inclusão das classes menos favorecidas representadas, principalmente, pela raça negra, deve-se ao papel do cronista Mário Filho, autor, entre outras obras, do clássico O negro no futebol brasileiro.

Nesse sentido, a revisão desse discurso sobre a trajetória das minorias na conquista da cidadania e na redefinição de identidades servirá ainda de motivo de reflexão para a necessidade de se estender essa conquista para outros segmentos da sociedade. A modernização do texto jornalístico de Mário Filho, — comparada por Nelson Rodrigues à Semana de Arte Moderna de 1922 —, tornou-se o motivo condutor do livro de Marcelino, por meio do qual se analisou a complexa formação da razão populista no Brasil.

Eneida Maria de Souza

Endereço: https://www.editoraufmg.com.br/#/pages/obra/450

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.