Mudanças de Adiposidade em Escolares de 7 a 10 Anos e Rastreamento do Excesso de Peso da Infância Para a Adolescência: Um Estudo Transversal e Longitudinal.

Por: Danielle Biazzi Leal.

182 páginas. 2015 05/03/2015

Send to Kindle


Resumo

Esta tese foi realizada com o objetivo de analisar as mudanças de adiposidade em escolares de sete a dez anos e o rastreamento do status de peso da infância para a adolescência em uma amostra de crianças e adolescentes do município de Florianópolis, durante um período de cinco anos. Para tal foram realizados três estudos, dos quais, dois foram de natureza transversal e um longitudinal. Os estudos transversais foram conduzidos com uma amostra probabilística de escolares de sete a dez anos de idade que participaram de dois inquéritos, realizados em 2002 (N=2.936) e em 2007 (N=1.232). No estudo longitudinal participaram escolares que no estudo base (2002) tinham idade entre sete e dez anos (N=2.959) e no seguiment o (2007) tinham entre 11 e 14 anos (N=742). Nos estudos transversais foram analisadas as mudanças dos indicadores antropométricos (índice de massa corporal [ IMC ] , circunferência da cintura [ CC] , razão cintura -estatura, dobras cutâneas do tríceps, subescapular, suprailíaca e panturrilha medial) , de prevalências de baixo peso, excesso de peso e obesidade, utilizando - se os pontos de corte de referências internacionais e nacional do IMC, de déficit de estatura -para - idade e de risco e excesso de adiposidade abdo minal (pontos de corte da CC da referência britânica).

Endereço: http://ppgef.ufsc.br/

Ver Arquivo (PDF)

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.