Música e Dança de Salão: Interferências da Audição e da Dança nos Estados de ânimo

Por: Silvia Deutsch.

Motriz - v.3 - n.1 - 1997

Send to Kindle


Resumo

interferência da audição de músicas de diferentes ritmos e
da movimentação corporal das mesmas, através da prática
de Danças de Salão, nos estados de ânimo. Foram
utilizados 240 sujeitos, 145 do sexo feminino e 95 do
sexo masculino com idade média de 24,26 e 25,41,
respectivamente. A amostra foi composta por pessoas da
comunidade que participavam dos cursos de Danças de
Salão normalmente oferecidos pela universidade, e
também, por alunos do curso de graduação em Educação
Física. Eles foram divididos em 6 grupos de 40. Cada
grupo foi submetido a uma situação experimental
específica a saber: a) ouvir Cha-cha-chá (OUC); b) ouvir
Valsa (OUV); c) ouvir Samba (OUS); d) dançar Cha-chachá
(DSC); e) dançar Valsa (DSV); f) dançar Samba
(DSS) . A exposição às música foi de, em média, 15
minutos. Antes e após a situação experimental os sujeitos
responderam a uma lista de 40 locuções de estados de
ânimo (LEA). Aplicou-se uma análise de correspondência
simples, onde os grupos: (OUC), (DSC) e (DSV)
apresentaram mudanças nos seguintes estados de ânimo:
misterioso, insignificante, carregado, simples, leve,
calmo, triste, encantador, orgulhoso e alegre. Foi também
utilizado o teste binomial para a análise dos dados.
Observou-se que: o grupo (OUC) apresentou uma
diminuição nos adjetivos misterioso e carregado e um
aumento no adjetivo insignificante; o (OUV) demonstrou
uma diminuição no adjetivo ridículo; o (DSC) um
aumento no adjetivo alegre e uma diminuição nos
adjetivos deprimido, insignificante, ridículo e com medo;
o (DSV) uma diminuição nos adjetivos deprimido e
repelente e o grupo (DSS) um aumento no adjetivo
tranquilo. Concluiu-se que a música interfere nos estados
de ânimo das pessoas, e que, a movimentação corporal da
dança de salão promove uma potencialização desta
interferência.

Endereço: http://www.rc.unesp.br/ib/efisica/motriz/03n1/09_10RESU.pdf

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.