Na Arena com os Leões Nuances de Manifestações Homofóbicas Recorrentes em Modalidades Esportivas São Abordadas em Dissertação

Por: Jeverson Barbieri.

Jornal da Unicamp - v.24 - n.466 - 2010

Send to Kindle


Sobre a Obra

Na tentativa de problematizar as manifestações homofóbicas presentes no esporte, Rodrigo Braga do Couto Rosa, em mestrado realizado junto ao Programa de Pós-Graduação em Educação Física da Faculdade de Educação Física (FEF) da Unicamp, identificou narrativas que trazem uma dimensão muito forte da discriminação, desde as agressões verbais até as físicas, a outras maneiras mais sutis de preconceito. No entanto, ao longo do caminho, saltou aos olhos do pesquisador o fato de que, talvez tão expressivas quanto as ações de homofobia, eram as ações de resistência a ela. Além de estarem muito presentes nos discursos, ele constatou que são também muito diversas.

Isto pode ser explicado porque as fontes escolhidas por Rosa possuem alguma ligação com a militância política, ou seja, são fontes que privilegiam a voz da resistência. A pesquisa selecionou e discutiu as narrativas que versavam sobre esporte, registradas em três publicações específicas, com conteúdos relacionados às sexualidades e voltadas ao público por vezes nomeado homossexual: o jornal Lampião da Esquina, publicado entre abril de 1978 e julho de 1981; a revista SuiGeneris, que circulou entre janeiro de 1995 e março de 2000; e a revista Bananaloca, que depois passaria a ser a G Magazine, desde sua primeira edição de abril de 1997 ao número 120, publicado em setembro de 2007. "Essas fontes trazem a narrativa homofóbica como uma ironia, um deboche, e tratam dessa questão como uma maneira já de resistir a ela", afirmou.

Endereço: http://www.unicamp.br/unicamp/unicamp_hoje/ju/junho2010/ju466_pag0607.php

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.