Nível de Concentração e Precisão de árbitros de Futebol Ao Longo de Uma Partida

Por: A I Silva, M. C. Agrestai, M. C. Oliveira, M. F. Brandão e T. L. Barros Neto.

Motricidade - v.9 - n.2 - 2013

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi avaliar se o nível de atenção concentrada e de precisão das marcações do árbitro de futebol se altera durante a partida de futebol. Para tanto, a amostra foi composta por oito árbitros credenciados pela Federação Paulista de Futebol, do sexo masculino, que atuaram em oito partidas oficiais do Campeonato Paulista Sub-20, no ano 2003. Foi utilizado o teste de Atenção Concentrada – Toulouse Piéron, Fator P, que destina-se a medir a rapidez e exatidão ao executar tarefas simples de identificação de quadrados, de natureza perceptiva, sem recorrer às funções intelectuais. Foram feitas filmagens em tempo real durante as partidas, com uma câmera de vídeo digital HANDYCAMTM modelo DCR. O teste qui-quadrado apresentou diferença significante entre as decisões tomadas nos 30 minutos iniciais do segundo tempo do jogo quando comparadas com os quinze minutos finais (p= .003). O teste t-pareado demonstrou diferença significante para a rapidez de concentração antes e após o jogo (p = .005); para a qualidade de concentração não foi significante (p = .209). Observou-se que os árbitros demonstraram tendência a errar menos nos quinze minutos finais dos jogos e apresentaram maior rapidez no teste de concentração após o jogo, não acontecendo o mesmo para qualidade de concentração.

Endereço: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1646-107X2013000200003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.