Nível de Conhecimento Sobre Atividade Física Para a Promoção da Saúde de Estudantes de Educação Física

Por: , Carlos Frederico Brito, , , Glaucia Figueiredo Braggion, , Marcos Ausenka Ribeiro, , e .

Revista Brasileira de Ciência & Movimento - v.9 - n.3 - 2001

Send to Kindle


Resumo

O objetivo deste estudo foi verificar o nível de conhecimento sobre atividade física para a promoção da saúde de alunos de diferentes períodos do curso de educação física da capital de São Paulo. Foram analisados 653 alunos das faculdades de educação física da Unicastelo (n = 22), Unib (n =200), Uniban (n = 57) e FMU (n = 374). Esta amostra foi dividida em quatro grupos: alunos do 1ºano (n = 55); alunos do 2ºano (n= 231); alunos do 3ºano (n = 213); alunos do 4ºano (n = 154). Como critério do nível de conhecimento sobre atividade física para a promoção da saúde, utilizamos como padrão a mensagem do Programa Agita São Paulo (acumular pelo menos 30 minutos de atividade física moderada (ou leve) na maioria dos dias da semana de forma contínua ou acumulada). Foi utilizado um questionário para verificar o nível de conhecimento da freqüência (dias por semana), duração (minutos por sessão), intensidade (leve, moderada e vigorosa) e modo (contínuo, acumulado e não importa ). A análise estatística incluiu o cálculo percentual das respostas corretas e para a comparação entre os períodos foi utilizado o Qui Quadrado, adotando-se o nível de significância de p<0,01. Após a análise dos dados podemos concluir que segundo as novas orientações da promoção da atividade física para a saúde: a) a maioria dos alunos apresentou um nível de conhecimento inadequado com exceção do conceito de duração; b) quanto ao nível de conhecimento sobre a duração e intensidade da atividade física, não houve diferença estatisticamente significante entre os quatro períodos; c) em relação à freqüência e modo, paradoxalmente os alunos do 1º ano apresentaram um melhor nível de conhecimento. Assim sugerimos que no curso superior de educação física sejam oferecidas maiores informações em primeiro lugar sobre a freqüência, em seguida sobre o modo e por terceiro sobre a intensidade ideal para a atividade física para a promoção da saúde. PALAVRAS-CHAVE: atividade física, promoção da saúde, nível de conhecimento, profissional de educação física.

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.