Nível de Conhecimento Tático Declarativo no Futebol

Por: Júlio César de Lima Barbosa.

30 páginas. 2015 20/02/2015

Send to Kindle


Resumo

As modalidades esportivas coletivas (MEC) apresentam ambientes sempre imprevisíveis, e entender os processos cognitivos é essencial para que as situações problemas sejam solucionadas da melhor forma, permitindo assim um melhor desempenho do atleta no jogo. O objetivo deste estudo foi de identificar e comparar o nível de conhecimento tático declarativo (CTD) de jogadores de futebol da categoria infantil masculino, pertencentes a dois clubes de futebol do estado de Pernambuco. O estudo é do tipo descritivo e transversal com amostras por conveniência. Foram analizados 51 atletas da categoria infantil masculino, pertencentes a dois clubes de futebol da cidade do Recife – PE (Grupo A n = 26; grupo B n = 25 indivíduos). Utilizou-se os protocolos de Mangas (1999) com adaptações feitas por Giacomini (2007).Para a análise descritiva dos dados foram utilizadas medidas de tendência central (mediana) e de variabilidade (erro padrão). Para as análises inferenciais, utilizaram-se inicialmente os testes de Bartllet (homogeneidade de variâncias) e de Shapiro Wilkes (distribuição normal). Posteriormente, foi empregado o teste de MannyWitney com um nível de significância de p≤ 0,05. Os dados foram gerados no pacote estatístico SPSS for Windows 2007, versão 17.0. Os resultados obtidos foram: grupo “A” Med= 13,8; EP= 0,48; Nº AC Geral= 544. Grupo “B” Med= 13,2; EP= 0,54; Nº AC Geral= 466. Concluímos que o tempo de prática (experiência) influencia nos resultados dos níveis de CTD dos atletas e que os protocolos utilizados foram eficientes para o fenômeno verificado.

Endereço: https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18155

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2018 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.