Nível de Inatividade Física em Diferentes Domínios e Fatores Associados em Adultos: Inquérito de Saúde no Município de Campinas (isacamp, 2008/2009), São Paulo, Brasil

Por: Izabel Lopes de Souza, Margareth Guimarães Lima, Marilisa Berti de Azevedo Barros e Priscila Maria Stolses Bergamo Francisco.

Epidemiologia e Serviços de Saúde - v.23 - n.4 - 2014

Send to Kindle


Resumo

OBJETIVO: estimar a prevalência de inatividade física (IF) total e em seus quatro domínios e investigar fatores associados, na população adulta de Campinas-SP, Brasil. MÉTODOS: estudo transversal de base populacional com amostra de 1.118 indivíduos (18-59 anos de idade) realizado em 2008-2009; empregou-se o International Physical Activity Questionnaire(IPAQ). RESULTADOS: a prevalência de IF total foi de 16,3%; e segundo domínios, de 65,9% no trabalho (ocupacional), 68,2% no âmbito doméstico, 41,5% no deslocamento e 65,8% no lazer; no domínio ocupacional, a IF foi maior entre mulheres, indivíduos com maior escolaridade, nos que referiram posse de computador, com maior tempo de sono e transtorno mental comum; no âmbito doméstico, entre indivíduos com maior escolaridade e renda, e sem cônjuge; no deslocamento, entre indivíduos com maior idade, maior escolaridade e possuidores de computador; no lazer, entre mulheres. CONCLUSÃO: IF associou-se com fatores sociodemográficos, comportamentais e relacionados ao estado de saúde diferentemente, segundo seus distintos domínios.

Endereço: http://scielo.iec.pa.gov.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1679-49742014000400004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.