Nível de Satisfação do Atleta e Coesão de Grupo em Equipes de Futsal Adulto.

Por: Eberton Alves de Souza, José Luiz Lopes Vieira, José Roberto Andrade do Nascimento Junior e .

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.13 - n.2 - 2011

Send to Kindle


Resumo

Este estudo descritivo investigou o nível de satisfação de atletas e a coesão de grupo de equipes de futsal adulto. Foram sujeitos deste estudo, 58 atletas do Campeonato Paranaense masculino de Futsal. Como instrumentos, foram utilizados o Questionário de Satisfação do Atleta e o Questionário de Ambiente de Grupo. Para análise dos dados, foram aplicados o teste de Kolmogorov-Smirnov, alfa de Cronbach, coeficiente de correlação de Spearman, Manova e Post Hoc de Scheffe (p < 0,05). Os resultados evidenciaram que as equipes com melhores níveis de satisfação dos atletas apresentaram maiores percepções de coesão de grupo; as equipes com baixo nível de satisfação pessoal obtiveram baixas percepções de coesão de grupo; na comparação entre as equipes, observaram-se diferenças entre três dimensões de satisfação (“Treino-Instrução”, “Desempenho da Equipe” e “Estratégia”) e em todas as dimensões de coesão; verificou-se que quanto mais satisfeitos com a instrução do treinador, o tratamento pessoal e as estratégias, mais as equipes estão coesas para a tarefa. Concluiu-se que o nível de satisfação do atleta é um elemento interveniente na percepção de coesão das equipes esportivas, prevalecendo aspectos relacionados às dimensões grupo-tarefa em detrimento às dimensões grupo-sociais.


 

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/1980-0037.2011v13n2p138

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.