O Bem-estar Docente e a Prática da Atividade Física: Um Estudo com Professores de Uma Escola Municipal de Campo Grande /ms

Por: Suziane Freitas de Sousa.

123 páginas. 2016 24/02/2016

Send to Kindle


Resumo

Este estudo está vinculado à linha de pesquisa Práticas Pedagógicas e suas Relações com a Formação Docente, do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Católica Dom Bosco. Trata da prevalência da atividade física para a promoção do bem-estar docente, uma vez que a docência impõe exigências específicas que são verdadeiros desafios e contribuem para que as questões de ordem pessoal e orgânicas sejam colocadas em segundo plano. O objetivo foi analisar a prática de atividade física como um dos fatores que podem influenciar o bem-estar docente. Caracteriza-se como uma pesquisa exploratória e descritiva, de abordagem quantitativa e qualitativa. Os dados foram coletados por meio dos seguintes instrumentos e procedimentos: Questionário Internacional de Atividade Física (IPAQ), versão curta, para identificar o nível de atividade física dos docentes; a Escala de Bem-estar Docente (EBED), versão resumida, para identificar o bem-estar docente; a entrevista semiestruturada para aprofundar as informações a respeito da atividade física e o bem-estar docente. A escola lócus da pesquisa possui 130 professores e, desse total, 51 professores responderam à EBED e 49 preencheram o IPAQ. Os resultados obtidos e as análises procedentes revelam que os professores se encontramsatisfeitos como trabalho que desenvolvem, como apoio que recebem para desenvolver suas atividades; o nível de atividade física dos professores é ativo e muito ativo. Por meio da entrevista semiestruturada foi possível verificar que a felicidade dos professores participantes é promovida pela interação com os alunos, com colegas de trabalho, pelo êxito nas atividades que desenvolvem e pelo reconhecimento social, que tem sido alcançado com formação, busca de conhecimento e troca de experiências. O bem-estar docente e a atividade física se fazem presentes, no grupo de professores pesquisados, e foramapontados de forma independente, sem apresentar relação de causa e efeito entre ambos, uma vez que este não foi o propósito deste estudo. Palavras-chave: Atividade Física. Professores. Bem-estar Docente.

Endereço: http://site.ucdb.br/cursos/4/mestrado-e-doutorado/32/mestrado-em-educacao/627/dissertacoes-defendidas/1144/

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.