O Brincar/jogar Como Fenômeno Transicional na Construção da Autonomia e da Identidade da Criança de Zero a Seis Anos

Por: Nelson Figueiredo de Andrade Filho, e Zenólia Christina Campos Figueiredo.

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.27 - n.2 - 2006

Send to Kindle


Resumo

Este estudo indica possibilidades de pensar-se em uma intervenção na educação infantil na qual se coloque em destaque o brincar/jogar como fenômeno transicional na construção da autonomia e da identidade da criança de zero a seis anos. Nesse contexto, apresenta uma leitura do Referencial Curricular para a Educação Infantil, do trabalho pedagógico do(a) professor(a) na construção de uma pedagogia da infância e da contribuição dos jogos de movimento e do trabalho pedagógico próprio do professor de Educação Física.

Endereço: http://www.rbceonline.org.br/revista/index.php/RBCE/article/view/89

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.