O Ciclismo Indoor Sob o Prisma do Valor: Uma Fundamentação Teórica Acerca do Estado de ânimo ou do Moral dos Indivíduos de 30 a 60 Anos, Praticantes de Ciclismo Indoor na Academia Body Club/rio de Janeiro

Por: Iris do Ceu de Lima e Silva.

223 páginas. 2004

Send to Kindle


Resumo

A essência do problema que originou este estudo foi a necessidade de se interpretar as manifestações de desânimo ou desmotivação apresentadas por alguns indivíduos praticantes de "ciclismo indoor". A partir daí questionou-se: até que ponto seria possível se interpretar estas manifestações? Com este propósito e no sentido de que tais manifestações sejam levadas em consideração no planejamento, execução e avaliação dos resultados obtidos através da prática da referida atividade física, estabeleceu-se como objetivo geral desta dissertação a elaboração de uma fundamentação teórica acerca do moral ou estado de ânimo de indivíduos de 30 a 60 anos praticantes de "ciclismo indoor", levada a efeito no contexto da Ciência da Motricidade Humana e na área de concentração Dimensão Sócio-Histórica da Motricidade Humana. A linha de pesquisa e o projeto nos quais este trabalho foi inserido foram, respectivamente, Aspectos Filosóficos, políticos, psicossociais e Educacionais da Motricidade Humana e Avaliação de condutas motoras educacionais. O objetivo geral foi alcançado através do desenvolvimento de uma compreensão fenomenológica acerca do Ser do Homem ,de 30 a 60 anos, praticante de "ciclismo indoor"; do desenvolvimento de uma compreensão axiológica dos indivíduos de 30 a 60 anos, praticantes de "ciclismo indoor"; do desenvolvimento de uma compreensão fenomenológica do "ciclismo indoor"; e da elaboração de uma ordenação axiológica acerca da prática desta atividade física. O estudo caracterizou-se como de natureza filosófica e nele utilizou-se o método fenomenológico de Husserl, substituindo-se a etapa da reflexão fenomenológica pela reflexão ontognosiológica ou ordenação axiológica proposta por Reale. Também foram utilizadas as técnicas de apresentação e julgamento de expressões faciais indicadas por Silva A. A. Concluiu-se que o ente do Ser do Homem de 30 a 60 anos, praticante de "ciclismo indoor", encontra-se envolvido em circunstâncias que lhe conferem sinais de envelhecimento que se intensificam com o passar dos anos. Daí resultar-lhe a carência principal de manutenção elou melhora da saúde e, consequentemente, a necessidade de praticar uma atividade física. Porém, estados de ânimo ou um moral negativo puderam ser constatadas na corporeidade daqueles entes, especificamente em suas expressões faciais, prejudicando seu desempenho motor. Diante disto, recomendou-se aos profissionais que trabalham com o "ciclismo indoor" que sejam promovidas adaptações no treinamento desta atividade, tendo em vista as circunstâncias e as carências do Homem de 30 a 60 anos, para que aquela possa ser praticada por quem apresente limitações específicas, beneficiando o ente aluno e agregando valor à sua vida. Fez-se ver ainda àqueles profissionais a necessidade de se manterem atentos às expressões faciais de tais entes, visto sua relação com o sistema motivacional e, em conseqüência, com a prática de uma atividade física. Desta forma, evidenciou-se que este trabalho contribuiu, pelo menos em parte, para minimizar o problema que o originou-se, ou seja, a ,necessidade de se interpretar as manifestações de desânimo ou de desmotivação apresentadas por alguns indivíduos de 30 a 60 anos, praticantes de "ciclismo indoor" .

Endereço: http://www.nuteses.temp.ufu.br/tde_busca/processaPesquisa.php?pesqExecutada=2&id=2133&listaDetalhes%5B%5D=2133&processar=Processar

Tags: ,

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.