O Club Sportivo Feminino e as Formas de Sociabilidade Para as Mulheres da Elite em Aracaju (1919-1926)

Por: Marlaine Lopes de Almeida.

Licere - v.21 - n.3 - 2018

Send to Kindle


Resumo

Esta tese tem como objeto de estudo histórico o Club Sportivo Feminino, instituição que teve o período de existência entre os anos de 1919 a 1926, criada para possibilitar, as mulheres letradas em Aracaju, um espaço legítimo e autêntico para a convivência social no âmbito do divertimento dos clubes de elite da cidade. O objetivo foi analisar como a educação constituiu-se em um elemento de circulação, sociabilidade e condição de acesso das mulheres aos clubes dançantes, aos clubes esportivos e aos eventos e festivais esportivos em Aracaju-SE, em um delimitado período do início do século XX. À luz do referencial metodológico da Nova História, o estudo está embasado nas prerrogativas dos historiadores da Escola dos Analles, conforme visto em Burke (1997, 1992), Le Goff (1984). A partir do referencial teórico metodológico secionado vimos que é possível instrumentalizar-nos com os achados, conceitos e categorias que suportam informações capazes de reconstituir os processos efetivamente vividos. Para o aporte teórico nos apropriamos de conceitos e categorias de autores como Norbert Elias, Roger Chartier, Pierre Boudieu, Jean François Sirineli, Peter Burker, dentre outros que dialogaram com nosso objeto ao longo da Tese. Para a fundamentação teórica essencial, nos valemos da categoria de Representação de Roger Chartier (1990), do conceito de Elites Culturais de Sirinelli (1997) e de intelligentsia de Burker (2003). Como fonte foram utilizados os jornais Correio de Aracaju, Jornal do Século XX, Sergipe Jornal e Diário da Manhã, arquivados no Instituto Histórico e Geográfico de Sergipe, no Arquivo Público do Estado de Sergipe, na Biblioteca Epifânio Dorea, e no Instituto Tobias Barreto de Educação e Cultura. Com a investigação proposta pudemos inferir que o Club Sportivo Feminino inaugurou novas formas de sociabilidade para as mulheres no âmbito público, que articulavam as representações da educação feminina com novos elementos característicos da vida moderna, como o esporte e a dança.

Endereço: https://seer.ufmg.br/index.php/licere/article/view/12003

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.