O Comentário Esportivo Contemporâneo no Rádio de Porto Alegre : Uma Análise das Novas Práticas Profissionais na Fase de Convergência

Por: Carlos Gustavo Soeiro Guimarães.

2018 páginas. 2018 00/00/0000

Send to Kindle


Resumo

Esta pesquisa pretende analisar novas práticas dos comentaristas esportivos no rádio de Porto Alegre dentro da chamada fase de convergência do rádio brasileiro (FERRARETTO, 2012). Considera-se como parâmetro teórico a economia política da comunicação, dando conta do predomínio, no Rio Grande do Sul, do rádio como empresa em busca de lucro, cuja programa-ção interfere na sociedade gaúcha (FERRARETTO, 2007). Parte-se da hipótese de que há uma transformação nos modos de produção de conteúdo dos comentaristas esportivos. Com isso, analisa-se estas práticas a partir do campo do radiojornalismo esportivo (ALCOBA LÓPEZ, 2005) e do futebol (DAMATTA, 1982), dentro de um cenário de convergência (JENKINS, 2008) e da vigência de uma fase da multiplicidade da oferta (BRITTOS, jul.-dez.2002). Com o pressuposto de que o rádio se transfigura também pela influência de outras mídias (FIDLER, 1998), entende-se que os comentaristas esportivos atuam, em sua contemporaneidade, sob o prisma de novas práticas profissionais, provocadas pela convergência. Com isso, propõe-se o problema fundamental: como este novo modelo opera no rádio esportivo de Porto Alegre? O objetivo do trabalho é analisar esta nova configuração no modelo das práticas profissionais dos comentaristas esportivos no rádio de Porto Alegre, visto que este tipo de conteúdo ocupa boa parte da programação das emissoras analisadas: Bandeirantes, Gaúcha, Grenal e Guaíba, as quatro rádios que realizam a cobertura sistemática de futebol. Utilizando a análise de conteúdo (BARDIN, 2016) como metodologia principal, o foco se dá em quatro eixos, propostos em artigo que serve como embrião deste estudo, produzido por Guimarães e Ferraretto (2016). Tratam-se das características propostas como fundamentais para o comentário contemporâneo: audiência criativa, utilização de dados para a análise, aproximação com o campo do desporto e pluralidade de gêneros jornalísticos no conteúdo do comentário. Faz-se, a partir desta análise de conteúdo, um cruzamento com entrevistas realizadas com os profissionais, através da meto-dologia da história oral. O resultado aponta para a existência destas novas práticas e a presença das características em boa parte dos profissionais que servem como corpus da pesquisa. Entre-tanto, ainda não é um modelo que se possa considerar amplamente hegemônico.

Endereço: http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/177577

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.