O Contexto Esportivo no Desenvolvimento Motor de Crianças

Por: José Luiz Lopes Vieira e Patrik Felipe Nazario.

Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano - v.16 - n.1 - 2014

Send to Kindle


Resumo

Nos últimos 30 anos, houve um aumento considerável de pesquisas na área do desenvolvimento motor. Embora as primeiras explicações estivessem fundamentadas em aspectos biológicos, atualmente, as discussões incluem o papel do ambiente neste processo de desenvolvimento motor. O objetivo desse estudo foi comparar o desempenho motor de crianças engajadas em escolinhas esportivas com crianças inseridas apenas nas aulas de educação física. Oitenta e sete crianças oriundas de escolinhas da Ginástica Rítmica (n=20), Handebol (n=26), Futsal (n=16) e crianças inseridas nas aulas de Educação Física (n=25), com idades entre 8 e 10 anos, fizeram parte do estudo. O teste TGMD-2 foi utilizado para verificar o desempenho motor das crianças. A estatística inferencial foi realizada por meio dos testes Kruskal-Wallis, U de Mann-Whitney e Análise Discriminante, com valor de significância α=0,05. Os resultados demonstraram diferenças entre os grupos (p<0,001), sendo que as crianças que participavam apenas das aulas de Educação Física apresentaram menores níveis de desempenho motor, e as crianças engajadas em escolinhas esportivas desempenharam melhor nas habilidades motoras relacionadas às demandas do contexto esportivo. Ainda, o modelo estatístico foi capaz de discriminar e classificar corretamente 79,3% das crianças engajadas ou não, em algum contexto esportivo. Por fim, é possível concluir que o contexto esportivo influencia o nível de desempenho motor e o desempenho das habilidades de acordo com as exigências


 

Endereço: https://periodicos.ufsc.br/index.php/rbcdh/article/view/1980-0037.2014v16n1p86

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.