O Corpo do Pós-estruturalismo. Problemas Epistemológicos a Partir da Perspectivade J. Butler

Por: Emiliano Gambarotta.

Revista Brasileira de Ciências do Esporte - v.39 - n.3 - 2017

Send to Kindle


Resumo

Este trabalho discute a forma na qual se problematiza o objeto de estudo das indagações sobre o corporal, isto é, pergunta-se pelo corpo como problema epistemológico. Nesse marco geral, aborda-se a concepção que o pós-estruturalismo (uma das perspectivas dominantes na atualidade das ciências sociais) desenvolve sobre essa questão, especificamente, faz-se uma crítica imanente da teoria de J. Butler. A partir disso, se afirma que sua teoria sobre a materialização do corpo permite apreender o processo de produção dele, mas ao preço de tornar (ontologicamente) invariante o modo no qual ele é produzido. Daí a necessidade de avançar numa interrogação que coloque o foco no "modo de produção de corporalidade".

Endereço: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0101-32892017000300240&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt

Comentários


:-)





© 1996-2019 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.