O Efeito Reverso da Idade Relativa no Futebol Profissional: Análise do Valor de Mercado e do Desempenho Esportivo

Por: Luiz Antonio de Oliveira Ramos Filho.

70 páginas. 2017 22/02/2017

Send to Kindle


Resumo

O efeito da idade relativa nos esportes já foi comprovado em diversas modalidades e países, em que atletas nascidos nos meses iniciais de cada ano têm uma vantagem competitiva em maturação física e psicológica comparativamente aos nascidos nos meses finais. Este fenômeno ocorre devido aos erros na tomada de decisão de treinadores e dirigentes durante a seleção e promoção dos atletas mais talentosos. No entanto, há indícios que pode haver um efeito reverso da idade relativa, em que os atletas nascidos no final do ano chegam à categoria adulta com maior qualidade técnica, maior desempenho esportivo e maior valor de mercado que os atletas nascidos no início do ano. Este estudo analisa a existência do efeito reverso da idade relativa, com base no valor de mercado e no desempenho esportivo numa amostra de atletas brasileiros profissionais de futebol dos clubes do Campeonato Brasileiro 2015 – Série A. Os dados foram coletados na base de dados www.transfermarkt.pt e foram analisados pelo teste paramétrico de regressão linear e pelo teste não paramétrico qui-quadrado. Os resultados indicam que o efeito reverso da idade relativa foi comprovado em relação ao desempenho esportivo, mas não em relação ao valor de mercado. Este estudo tem potencial para contribuir na compreensão conceitual do fenômeno e de apoiar melhores decisões numa perspectiva de foro gerencial dos treinadores e gestores. Ao focar o contexto brasileiro, como contexto empírico, contribui-se para a linha de pesquisa sobre estes fenômenos no campo da gestão de esportes na academia brasileira e da formação de novos atletas.

Endereço: http://bibliotecatede.uninove.br/handle/tede/1602

Ver Arquivo (PDF)

Comentários


:-)





© 1996-2020 Centro Esportivo Virtual - CEV.
O material veiculado neste site poderá ser livremente distribuído para fins não comerciais, segundo os termos da licença da Creative Commons.